Município defende manutenção das barreiras nos acessos à cidade

O secretário de saúde de Brusque, Humberto Fornari, voltou a defender as barreiras sanitárias instaladas nos acessos ao município de Brusque. Ele chamou de desserviço a decisão do Ministério Público de pedir a saída da Polícia Militar das mesmas. Lembrou, ainda, que a maioria dos casos que está sendo monitorado em casa foi detectado nestes locais.

“O MP entendeu que estávamos infringido o direito de ir e vir. Isso nos trouxe um problema sério, porque naquele momento não tínhamos, ainda, o que temos hoje, que são os testes rápidos”, destacou.

O vice-prefeito Ari Vequi foi mais longe e citou críticas recebidas sobre as barricadas instaladas inicialmente em áreas secundárias, como as ligações com cidades de Camboriú, via Bairro Limeira Alta, e Serra do Moura, para Canelinha.

“Não adianta querer espalhar falsas notícias de que a cidade está sendo isolada que não é isso. São pessoas que só querem arrumar cada vez mais intrigas e não é essa nossa maneira de governar”, frisou ele.

As colocações de ambos foram feitas na coletiva de imprensa online, feita na tarde desta segunda-feira (30), no gabinete do prefeito.

A defesa das barreiras também foi feita pelo prefeito, Jonas Paegle.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Ação quer fim da obrigação de operadoras revelarem dados de clientes

O Supremo Tribunal Federal (STF) recebeu nesta quarta-feira (22) uma ação que questiona a MP Provisória 954/2020, editada em 17 de abril. Ela obriga as operadoras de telefonia fixa e móvel a fornecerem dados de seus clientes, pessoa física e jurídica, ao Instituto Brasileiro de Estatística (IBGE). A ação foi impetrada pelos partidos PSDB, PSB, PSOL e pela OAB. Veja também - Disparos de arma de levam homem para a...
Continuar lendo...

Fundo do Sebrae vai viabilizar financiamentos de até R$ 12 bilhões em crédito para micro e pequenas empresas

Nos próximos três meses, o Sebrae vai destinar 50% da sua arrecadação (no mínimo), para ampliar o crédito aos pequenos negócios. Os recursos vão fortalecer o Fundo de Aval para as Micro e Pequenas Empresas (Fampe) e permitir um aumento nas operações de microcrédito com taxas mais baixas, maior prazo e melhor período de carência. A operação de socorro deve começar com R$ 1 bilhão...
Continuar lendo...

Coronavírus em Brusque permanece estável

A Prefeitura de Brusque comunicou no final da tarde desta sexta-feira (10), a continuedade do mesmo número de casos confirmados. Entretanto, houve o aumento de cinco casos em investigação da doença.  Ao total o município possui dezesseis casos confirmados e onze suspeitos, sob monitoramento.  Em caso de sintomas como febre, tosse, dor de garganta e dificuldade em respirar, a indicação é procurar o Centro de Triagem para...
Continuar lendo...