Prefeitura de Brusque mostra preocupação com demora para repasse do Bolsa Família

Desde janeiro de 2019, os novos cadastrados do programa Bolsa Família pelo município de Brusque não tem retorno sobre o pedido de inclusão para receber o benefício, destinado a pessoas em situação de vulnerabilidade social e econômica. A situação tem feito com que uma fila de pedidos fique paralisada enquanto a Secretaria de Assistência Social e Habitação de Brusque aguarda o retorno do Governo Federal, que gerencia os recursos.

O secretário de Assistência Social e Habitação, Odair Bozio, mostra preocupação. Segundo ele, atualmente 1375 pessoas recebem o benefício no município. De 2019 até o momento, outras 1203 fizeram o cadastro encaminhado ao Governo Federal. “Antes, o prazo para aprovação era de, no máximo, 45 dias. Porém, está tudo parado desde janeiro de 2019. Ou seja, essas pessoas ainda não tiveram nenhum retorno”, comenta.

Bozio ainda vai além. “Destas 1203 pessoas que fizeram o cadastro, 272 famílias tem renda zero. Ou seja, estão na faixa da extrema pobreza”, complementa.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões