Operação “Marias” busca autores de violência doméstica

Nesta quinta-feira (05), a Polícia Civil de Santa Catarina realiza a Operação “Marias” no estado. A ação cumpre mandados de prisão e de busca e apreensão contra autores de crimes de violência doméstica e familiar contra as mulheres. Também serão fiscalizadas medidas preventivas de urgência concedidas às vítimas.

A Polícia Civil prevê cumprir 24 mandados de prisão, 14 mandados de busca e apreensão e 892 fiscalizações de medidas protetivas. Na fase anterior da operação, realizada em novembro de 2019, foram cumpridas 68 prisões, 24 mandados de busca e apreensão e 1.218 medidas protetivas fiscalizadas.

O nome “Marias” é uma referência a Lei Maria da Penha, sancionada em 7 de agosto de 2006, como Lei n° 11.340. Ela visa proteger a mulher contra violência doméstica e familiar. O nome foi uma homenagem à luta da farmacêutica Maria da Penha Maia Fernandes para ver seu agressor condenado. 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões