Brusque é destaque em qualidade da educação

A cidade de Brusque segue se destacando em nível estadual e nacional quando o assunto é educação. De acordo com o Índice de Oportunidades da Educação Brasileira (Ioeb), Brusque alcançou resultados acima da média no estudo que considera a qualidade de ensino da educação.

A cidade alcançou a pontuação de 5.2 no índice, a melhor desde 2015, quando o estudo começou a ser realizado. Neste primeiro ano, Brusque chegou a 4.9 na pontuação, manteve a mesma pontuação dois anos mais tarde, até chegar a 5.2 no último levantamento, em 2019.

Junto com Joinville e Itajaí, a cidade alcançou a maior nota entre as 10 principais de Santa Catarina. A média estadual é de 5.1, enquanto a nacional chega a 4.7.

A secretária da Educação, Eliani Aparecida Busnardo Buemo, comemora os números. “É muito importante essa análise, do contexto educacional, uma vez que esse índice opera com dados de todas as redes: pública, estadual e privada, da educação infantil ao ensino médio, avaliando o quanto a passagem destes alunos pela educação brusquense faz a diferença nas suas vidas”, observa.

Ela ressalta que o índice vai muito além das análises estabelecidas pelo Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), uma vez que abrange a eficácia da qualidade do ensino de forma mais abrangente, não se limitando apenas aos resultados das provas de português e matemática. “Ficamos muitos felizes pelos resultados sobretudo porque em 2015 e 2017 alcançamos a nota de 4.9, chegando agora a 5.2, acima da média estadual e nacional. Por isso, só temos a comemorar este resultado, pois mostra que Brusque tem sido motivo de muito orgulho no cenário nacional”, destaca.

O Índice de Oportunidades da Educação Brasileira (Ioeb) é um índice único para cada território, seja município, estado ou Distrito Federal. Ele engloba toda a educação básica, da educação infantil ao ensino médio, de todas as redes existentes no local; bem como todos os moradores locais em idade escolar, e não apenas os que estão efetivamente na escola.

Ele é formado a partir da relação de um conjunto de fatores e seus respectivos pesos. Esses fatores estão divididos em dois grupos: insumos educacionais, ou seja, fatores essenciais para um bom resultado educacional e resultados educacionais, sejam eles de atendimento, de aprendizado ou de aproveitamento escolar.

O estudo tem como foco apoiar a atuação de líderes em prol da educação brasileira. A ideia é estimular os gestores a promoverem transformações que deixem um legado em todo o ecossistema da educação, tendo como propostas: promover a colaboração entre municípios, estados e União; formar líderes públicos na educação; e aperfeiçoar o controle social da educação básica.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Roubo no bairro Poço Fundo

Nesta terça-feira (03), por volta das 06h28min, a Polícia Militar foi acionada na rua Poço Fundo, Bairro Poço fundo, para averiguar um caso de furto. A vítima foi informada por uma testemunha do crime sobre a possível localização de seus pertences levados neste fim de semana. Um dos moradores do local indicado permitiu a entrada da polícia, onde em um dos quartos foram encontrados os pertences da vítima. Diante das...
Continuar lendo...

H1N1: Moradores do Cedro Alto, São João, Cedrinho, Travessa Dom Joaquim, Paquetá e Rainha recebem equipe de vacinação amanhã (27)

Os idosos acima de 60 anos, cadastrados nas Unidades Básicas de Saúde, passarão a receber a vacinação contra o vírus H1N1 nesta sexta-feira (27) em mais uma localidade. Dessa vez, os moradores do Cedro Alto, São João, Cedrinho, Travessa Dom Joaquim, Paquetá e Rainha serão atendidos em suas residências. Por enquanto a vacinação ocorre na Policlínica Central e em seis estabelecimentos de ensino;...
Continuar lendo...

Vereador Keka está em isolamento com fortes sintomas de gripe

O vereador de Brusque, Gerson Luis Morelli, o Keka, publicou em suas redes sociais, neste sábado, por volta da 00h57min, que está em isolamento, com sintomas de gripe. Ele explica que passou por exames e afirma que ficou por mais de três horas em uma sala com um paciente que conforme ele foi diagnosticado com Coronavírus. No depoimento não fica claro se seria um novo caso na cidade ou o contato foi com o paciente que já foi confirmado com a doença...
Continuar lendo...