2019 fechou com mais de 300 obras em construção na cidade de Brusque

A se julgar pela quantidade de obras em execução, o setor de construção civil de Brusque continua em crescimento. Levantamento feito pela equipe de vistorias do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário (SINTRICOMB) aponta que o setor fechou o ano de 2019 com 321 obras em andamento, desde a fase inicial até a parte final da construção. O estudo faz parte de ação desenvolvida pela entidade com objetivo de mapear as regiões da cidade em que se concentram as obras.

De acordo com os números, o ano de 2019 encerrou com as casas geminadas liderando o estilo de obras em construção: foram 211 contabilizadas, o que representa quase 70% do total. Em seguida vem os prédios com mais de dois andares, totalizando 46. Galpões, com 46, casas de um a dois pavimentos, com 36, e galpões, complementam a lista. Ainda há outras 05 que estão em fase de fundamento, ou seja, ainda sem terem iniciado.

Limeira, Dom Joaquim e Volta Grande são destaque

Sobre as regiões da cidade, o bairro Limeira Baixa segue como o local em que se concentra o maior volume de obras em construção: são 101, sendo a maioria de casas geminadas. Em seguida aparece o Dom Joaquim, com 41, Volta Grande, com 28, e o São Pedro, com 18.

“O setor está em crescimento, o mercado está aquecido. Vemos que muitas obras de grande porte começam a ser erguidas na nossa cidade. E isso é bom, porque traz mais mão de obra para o setor, mais trabalhadores para a nossa categoria e, consequentemente, uma qualidade de vidas melhor para eles”, pontua o presidente do SINTRICOMB, Izaias Otaviano.

O número de obras registrado em dezembro é menor do que o visto em 2018. No entanto, Otaviano afirma que muitas foram concluídas no decorrer desse período e não constam mais na relação. Isso é perfeitamente verificado em números da metade de 2019. No mês de junho daquele ano, o sindicato divulgou levantamento que apontava a existência de 334 obras em execução no município.

“Estes ano, as obras estão mais diversificadas nos bairros. Um novo levantamento será feito por nossa equipe em breve, mas sabemos que a quantidade de obras na cidade tende a aumentar”, prossegue ele.

CONFIRA A RELAÇÃO DE OBRAS POR REGIÕES

REGIÃO - TOTAL DE OBRA

Limeira Baixa - 101

Dom Joaquim - 41

Volta Grande - 28

São Pedro -18

Rio Branco - 16

Águas Claras -14

Centro - 12

Santa Rita - 11

Santa Terezinha - 10

Souza Cruz - 09

Cedro Alto - 06

Limoeiro - 06

Zantão - 06

Lagoa Dourada 05

São Luiz - 05

Cedrinho - 04

Azambuja - 04

Guarani - 04

Jardim Maluche - 04

Batêas - 03

Poço Fundo - 03

Ponta Russa - 03

Steffen - 02

Thomaz Coelho - 02

Planalto - 02

Santa Luzia - 02

Nova Brasilia - 01

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Bolsonaro sanciona MP da renda básica emergencial

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, na tarde desta quarta-feira (1º), a Medida Provisória (MP) que cria uma renda básica emergencial de R$ 600 aos trabalhadores informais, autônomos e sem renda fixa, durante a crise provocada pela pandemia do novo coronavírus. A informação foi confirmada pelo ministro da Secretaria Geral da Presidência, Jorge Oliveira, em uma postagem no Twitter. A medida teve a votação concluída no...
Continuar lendo...

Estado confirma 21 casos de Coronavírus em Santa Catarina

O Governo do Estado confirmou 21 casos do novo coronavírus (Covid-19) em Santa Catarina na tarde desta quinta-feira, 19. Dois pacientes estão internados em unidades hospitalares, sendo um em Florianópolis e outro em Içara, após ter sido transferido do município de Braço do Norte. Os demais estão em tratamento domiciliar. Os casos confirmados foram registrados nos seguintes municípios: Florianópolis (6), Balneário...
Continuar lendo...

(VÍDEO) Confusão na agência do INSS Brusque

Um grupo de pessoas se revoltou esta manhã em frente à agência Brusque do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). É que eles foram impedidos de entrar no órgão. O motivo, segundo o que que lhes foi passado, é uma determinação vinda de Brasília para que todos os atendimentos novos não sejam realizados. A Rádio Cidade esteve no local perto do meio-dia. Havia em torno de oito pessoas indignadas a aguardar...
Continuar lendo...