Projeto Bbike deve funcionar no prazo de 30 dias

Inaugurado em novembro de 2019 o projeto Bbike em Brusque continua sem funcionamento. De acordo com André Vechi, secretário interino de Governo e Gestão Estratégica do município, a empresa responsável pelo sistema está estudando soluções. Já que o projeto Bbike e as Estações apresentam problemas elétricos, a preocupação do poder municipal é acima de tudo a segurança dos usuários.

“Percebemos que a qualidade das bicicletas não correspondiam o que foi solicitado. Além disso, por necessitar de um sistema elétrico, estavam ocorrendo descargas e não podemos permitir que os usuários levem choque por má funcionalidade”.

O projeto Bbike visa o compartilhamento de bicicletas públicas gratuitamente para população de Brusque. Serão cinco estações: na Praça Sesquicentenário, na UNIFEBE, no Terminal rodoviário, no Shopping River Mall e Centro Empresarial, Social e Cultural de Brusque. O Sistema é composto por 30 bicicletas tradicionais e 11 bicicletas elétricas.

Para que o indivíduo possa utilizar o sistema é preciso estar cadastrado. Até agora cerca de 500 pessoas já colocaram seus nomes no programa. Mas no momento o cadastro foi interrompido, pois não se tem um data exata para o funcionalidade do sistema na cidade, ressalta o secretário.

As estações ainda não estão ativas e o sistema aguarda um projeto da empresa responsável para se iniciar oficialmente os trabalhos. Nesta semana um novo projeto chegou ao poder municipal e depois de ser analisado e entrar em fase de teste, se aprovado, a população vai poder contar com o sistema.

“Se tudo correr bem, em até 30 dias os usuários vão poder contar com as bicicletas”.

Outro problema a ser enfrentado é a questão do vandalismo. Na Praça Sesquicentenário por exemplo, os danos na estação já são visíveis.

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões