Altos índices de proliferação do mosquito da dengue colocam Brusque em alerta

Na tarde desta segunda-feira (10) foi reaberta a sala de combate e enfrentamento ao Aedes Aegypti, que fica anexa à Policlínica Central em Brusque. O objetivo das portas voltarem a se abrir é a preocupação com a proliferação do mosquito da dengue e a busca incessante de combater a doença, conforme explica o Secretário de Saúde do município, Humberto Martins Fornari.

“Devido ao alto número de focos encontrados no município. Ao todo já são 225 focos, sendo 39 no bairro Santa Rita, 29 no Santa Terezinha e 27 no Centro, foi reaberta a sala para que as entidades trabalhem em conjunto pelo bem comum”.

Para se ter uma ideia de como é preocupante o assunto, nos trinta primeiros dias deste ano foram notificados 225 focos do mosquito na cidade. Um crescimento de mais de 280% com relação ao mesmo período do ano passado, onde foram registrados apenas 80 focos.

Durante todo o ano de 2019, Brusque teve 13 casos de dengue confirmados, desses um contraído aqui, na cidade. Neste ano já são 6 casos importados confirmados e 4 que ainda estão sendo investigados.

“Já fizemos o pedido do fumacê para o Estado no ano passado, mas nos foi negado. Acreditamos que já é o caso de utilizá-lo em Brusque, pois sabemos que a dengue tem grande risco de virar epidemia em pouco tempo”, explicou o secretário de Saúde.

Com as altas temperaturas e as chuvas frequentes registradas nos últimos dias, os trabalhos de prevenção são constantes e o apoio da população é muito importante.

 

Quanto aos cuidados básicos a comunidade já está consciente, uma das maiores dificuldades da atualidade para os agentes de endemias é conseguir entrar em casas e terrenos que estão fechados. Mas nesta situação a população também pode colaborar segundo a coordenadora do controle de endemias do município, Letícia Figueredo.

“Ficar de olho nos vizinhos e repassar as informações para o controle de endemias através do telefone (47) 3110-1010”.

Para auxiliar na visitação dos agentes nestes locais fechados, um novo disposto eletrônico em breve estará disponível ressalta secretário de saúde.

“Algumas ações já foram aprovadas e vamos trabalhar para diminuir nossos indicadores. Continuaremos com campanhas publicitárias de conscientização. Já temos licitado um drone para ajudar na averiguação de terrenos em locais de difícil acesso. Também vamos levar para frente um projeto de recolhimento de entulhos, sofás, geladeiras para que seja feito o recolhimento periodicamente e o descarte seja feito de forma correta. O apelo é que a população nos ajude, vistorie sua casa, converse com os vizinhos, para que possamos conter o avanço do mosquito”, enfatizou.

Por enquanto o governo do estado não vê a necessidade de se passar o fumacê nos bairros aqui de Brusque, já que nenhum dos casos confirmados é autóctone ou seja, que surgiu aqui na cidade.

O crescimento do número de casos de dengue e o número de focos encontrados não é só preocupante aqui no município, mas em todo estado. Até o começo desde mês de fevereiro foram identificados 4.631 focos do mosquito Aedes Aegypti em 132 municípios. Superando os números do ano passado, que neste mesmo período registrou 3.131 focos, um aumento de 47,9% de focos detectados no estado de Santa Catarina.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Polícia Militar teve muito trabalho no final da partida

A Polícia Militar teve trabalho no final da partida Brusque e Remo na noite desta quinta-feira (20), em que o Brusque goleou o Remo pelo placar 5 a 1, classificando o time para a próxima fase da Copa do Brasil. Já fora do estádio Augusto Bauer, uma confusão envolvendo torcidas foi registrada na avenida Beira Rio, margem direita.  Várias viaturas da PM montaram barreiras em pontos estratégicos para evitar o encontro entre torcedores. Segundo o que foi apurado pela rádio Cidade,...
Continuar lendo...

Associação Brusquense de Ginástica Rítmica busca aperfeiçoamento para participar de competições em 2020

A Associação Brusquense de Ginástica Rítmica (ABGR) apresentou na noite desta segunda-feira (17) a técnica, da Bulgária, Yordanka Zarkova, que irá montar as séries de conjuntos das meninas para competições em 2020. O evento de apresentação foi realizado na sala de imprensa do Hotel Monthez. A técnica afirmou que já conhece a desenvoltura das meninas de outras oportunidades. “Já...
Continuar lendo...

IPVA 2020: pagamento em cota única para placas com final 2 termina segunda-feira

Proprietários de veículos com placas que terminam em 2, que optarem por pagar o IPVA em cota única, podem pagar o imposto até a próxima segunda-feira, 2 de março. Em 2020, os catarinenses estão pagando, em média, 2,4 % a menos de IPVA do que no ano passado. O índice representa a desvalorização dos veículos em relação a 2019 de acordo com a tabela Fipe (Fundação Instituto de...
Continuar lendo...