Chuva causa transtornos em vários bairros de Brusque

As fortes chuvas registradas desde a manhã desta quinta-feira (6), em Brusque já começa a causar transtornos e prejuízos. Alagamentos, deslizamentos e casas invadidas pela águas, são alguns dos  transtornos mais comuns que estão sendo registrados pelos ouvintes e internautas.

As regiões mais afetadas segundo o que estamos recebendo de informações dos internautas é nos bairros Zantão, Santa Luzia, Águas Claras, Primeiro de Maio, além de arredores do Centro.

A Defesa civil recomenda que em  casos de alagamento é importante evitar o contato com as águas e não dirigir em lugares alagados. Também evitar transitar em pontilhões e pontes submersas e ter cuidado com crianças próximas de rios e ribeirões. Qualquer problema deve ser comunicado à coordenadoria municipal de Defesa Civil, por meio do telefone de emergência 199 e 193.
 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Motorista brusquense morre em acidente, em Curitiba

Na manhã desta terça-feira (03) o morador brusquense, João Paulo Pioli, de 58 anos, morreu em acidente na BR-476, em Araucária, na região metropolitana de Curitiba. Conforme a Polícia Rodoviária Federal a colisão foi traseira e envolveu dois caminhões. Conforme os bombeiros ele foi retirado da cabine e por 30 minutos foram realizadas manobras de reanimação, mas o caminhoneiro não resistiu e morreu na...
Continuar lendo...

Fisioterapeuta explica sobre casos que devem procurar o Centro de Triagem

O Centro de Triagem para Sintomáticos Respiratórios começou a funcionar nesta segunda-feira (23) no Pavilhão da Fenarreco, em Brusque. Conforme informações apuradas pela Rádio Cidade no local, a demanda de brusquenses atendidos nesta terça-feira (24), será menor. Sendo ontem atendidas 166 pessoas e hoje com perspectiva de 140 atendimentos. Carmem Pedrini, fisioterapeuta e parte da equipe de coordenação do centro,...
Continuar lendo...

Nova portaria mantém suspenso esporte amador coletivo

 Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina decidiu manter proibidas as atividades esportivas amadoras coletivas.  Uma nova portaria foi assinada e publicada nesta sexta-feira (21). O documento, assinado pelo secretário de Estado da Saúde André Motta Ribeiro, cita outras duas portarias, a de nº 464, de 13 de julho de 2020, que institui o Prograa de Descentralização e Regionalização das Ações de Combate...
Continuar lendo...