Diretor do Procon explica sobre casos de boletos vencidos e bancos

Volnei Montibeller, diretor do Procon de Brusque. Foi o entrevistado desta quarta-feira (5) do programa Rádio Revista Cidade, da Rádio Cidade. Entre vários assuntos abordados por ele, um em especial foi o que trata do pagamento de boletos bancários em qualquer agência e não mais somente na que emitiu o mesmo.

Segundo Montibeller, esse tipo de reclamação é rara de chegar ao órgão. Há uma série de fatores que influenciam n momento do pagamento e a recusa dos bancos.

“São casos bem esporádicos. Cada situação é muito singular. Valor do boleto influencia, se o consumidor é correntista daquele banco, se vai pagar no cartão ou dinheiro. (...) Tudo dependente do momento. Já teve caso de consumidor estar dentro do banco e me perguntar e aí teve de saber que tipo de caso era”, pontua ele. Ainda de acordo com o diretor do Procon, não há limite mínimo para os pagamentos e, sim, máximo.

Montibeller afirma que a única regra clara em relação a esse tema é que se o consumidor é correntista ou cliente de determinados banco e vai na agência pagar um boleto emitido pelo mesmo banco, este não pode recusar o recebimento.

“Sou correntista da Caixa, por exemplo, e chego lá para pagar um boleto vencido da Caixa, eles não podem negar o recebimento. Se eu vou lá com um boleto vencido do Bradesco, eles podem negar”, frisa ele.

A prática é bem comum. Os bancos forçam o cliente a utilizar os sistemas de autoatendimento, comenta Montibeller, como caixas eletrônicos e correspondentes em casas lotérica e outros estabelecimentos comerciais.

Em Brusque, há uma lei municipal que obriga os bancos a atenderem o cliente nos caixas em até 20 minutos. O diretor do Procon afirma que a fiscalização para que isso seja cumprido tem sid bastante difícil, devido à quantidade de fiscais que o órgão possui. Atualmente, o Procon possui apena sum profissional que realiza este tipo de serviço.

Postos de combustíveis

Frequentemente, o preço dos combustíveis coloca o Procon na mira das críticas e cobranças por parte de muitas pessoas. Sobre isso, Montibeller afirma que o órgão não tem como intervir. Principalmente em relação ao preço, pois é uma questão de livre mercado e concorrência. Exceto se for quanto à qualidade do produto oferecido nas bombas.

No cargo de diretor do Procon desde junho de 21018, Montibeller aponta que o órgão passa por reforma e ampliação, para poder dar melhor atendimento a quem procura os serviços.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

(VÍDEO) Helicóptero dá apoio para conter incêndio que dura um mês

O helicóptero Arcanjo 03, do Corpo de Bombeiros, foi empenhado na manhã deste sábado (30) para dar apoio em ocorrência de incêndio em vegetação no Parque Nacional da Serra do Itajaí, em Botuverá. A aeronave foi utilizada para o transporte de equipes e materiais utilizados pelo ICMBio, Rebio Canela Preta, ASSEPAVI, Prefeitura e Defesa Civil de Botuverá, deslocando de uma base até outra. O incêndio no parque...
Continuar lendo...

Incêndio destrói veículo no início desta madrugada

Um veículo pegou fogo no início da madrugada desta sexta-feira (10) na região da Cristalina, bairro Dom Joaquim, em Brusque. O fato foi registrado por volta de 00h9 minutos. De acordo com o Corpo de Bombeiros, que atendeu a ocorrência, um veículo Fiat Palio Adventure, com placas de Gaspar, foi o alvo do incêndio. O carro estaria abandonado no canto da pista, totalmente consumido pelo fogo. Foram gastos 200 litros de água para rescaldar...
Continuar lendo...

Veja quais agências da Caixa na região vão abrir neste sábado

A Caixa Econômica Federal vai abrir neste sábado (30) várias agências em todo o país para pagamentos presenciais do Auxílio Emergencial. O atendimento será das 8h às 12h. Nem todas as cidades da região terão o serviço de atendimento do banco nessa data.  Apenas nas cidades de Brusque e São João Batista abrirão as portas. No caso de Brusque, somente na agência do Centro, na Barão...
Continuar lendo...