Líder de organização criminosa é preso em Nova Trento

A Polícia Civil da Delegacia de Homicídio de Florianópolis logrou êxito em prender na última quinta-feira (30) um homem de 18 anos que estava escondido em uma área rural de Nova Trento.

Este homem é investigado por vários homicídios com ocultação de cadáver em Florianópolis. De acordo com o delegado, Ênio de Oliveira Matos, o jovem é líder de uma organização criminosa no Norte da Ilha, e que no ano passado, em 2019, são suspeitos de homicídios, ocultação de cadáver e tráfico de drogas naquela região.

Contra o homem preso havia um mandado de prisão preventiva decretada pela Vara do Tribunal do Júri, em investigação de inquérito policial que apura um assassinato em julho de 2019, no Bairro Canasvieiras. Também outras quatro pessoas foram presas pela participação no mesmo homicídio.

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Hospital Azambuja ganhará aumento no repasse do Governo de SC

O governador Carlos Moisés anunciou no fim da tarde desta sexta-feira (03), que os hospitais filantrópicos de Santa Catarina receberão o valor máximo estabelecido pela nova política hospitalar até o fim deste ano. Isso significa um repasse total de R$ 276,2 milhões até dezembro. Dessa maneira, as entidades poderão contar com aproximadamente R$ 10 milhões por mês além do que estava pactuado para compra de insumos...
Continuar lendo...

VÍDEO: pai filma quando entrega filho à polícia de Brusque por ato contra gata jogada no rio

O pai de um dos jovens que atirou uma gata no rio na noite deste sábado (16), em Brusque, gravou um vídeo entregando o menor à polícia. Nas imagens, ele afirma que o filho não foi quem atirou o animal na água, mas que vai ter que arcar com as consequências do ato. O homem retira o filho do carro, desfere tapas nele, ao mesmo tempo em que pede desculpas às pessoas pelo que o rapaz fez e indaga se essa foi a educação que...
Continuar lendo...

Paróquia São Luís Gonzaga organiza transmissão online de celebrações da Páscoa

“Não foi como sonhamos e preparamos, mas é o melhor que podemos oferecer”. As palavras são do pároco da Paróquia São Luís Gonzaga, padre Diomar Romaniv, sobre a programação da Semana Santa frente à pandemia provocada pelo Coronavírus (Covid-19) que, desde o dia 18 de março, proibiu a concentração religiosa em Santa Catarina. Desde então, as missas da Paróquia são...
Continuar lendo...