O caso “misterioso” na invasão de rede social do Brusque FC

O Brusque FC fez bonito no último domingo (13) quando venceu por 3 a 2 o Juventus no último amistoso da temporada, em Jaraguá do Sul. Mas os holofotes ficaram fora do campo. Na página oficial do Clube no perfil no Facebook, uma publicação falando sobre jogo foi ilustrada com duas fotos do jogo e um vídeo pornô, o que chamou a atenção negativamente para o Clube.

De acordo com o marketing do Brusque FC, a página teria sido hackeada e a publicação foi retirada logo em seguida. Até o fechamento da matéria, conforme o diretor de Marketing do Brusque FC, Sandro Ortiz, ainda não havia sido feito o Boletim de Ocorrência.

Mas o que não faltou foi prints da publicação, e estas começaram a rodar nos grupos de aplicativos de conversa. Os internautas também não pouparam nos comentários enquanto a publicação estava no ar.

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Secretaria de Turismo instala placas descritivas pela cidade de Guabiruba

Dez novas placas descritivas estão sendo instaladas em diferentes pontos turísticos de Guabiruba. A ação é a segunda etapa de um projeto de sinalização da Secretaria de Turismo de Guabiruba. Na primeira etapa, foram instaladas placas indicativas, mostrando os caminhos para chegar aos pontos turísticos. Agora, as placas contêm descrições sobre cada um dos pontos onde foram colocadas. "Além de organizar a...
Continuar lendo...

Jovem fica ferido em acidente no bairro Águas Claras

Os Bombeiros foram acionados na noite deste domingo (19) por volta das 20h19 para atender um acidente de trânsito envolvendo um carro e uma motocicleta. O fato aconteceu na Rua Augusto Klapoth, no Bairro Águas Claras, em Brusque. A condutora do Peugeot com placas de Brusque, 37 anos, nada sofreu e assinou o termo de recusa de atendimento. O condutor da moto Honda CG de Brusque, 21 anos, estava consciente e apresentava lesões e escoriações nas pernas e na...
Continuar lendo...

Verão exige mais cuidados com a proliferação do mosquito da dengue

O aumento do calor e das chuvas contribui para a formação do cenário ideal para a reprodução do mosquito Aedes aegypti, causador da dengue, zika e chikungunya.  Além disso, 2020 começou com 97 municípios catarinenses considerados infestados pelo inseto. O gerente de zoonoses da Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina, João Fuck, ressalta que é preciso redobrar os cuidados. “É...
Continuar lendo...