Jogos Comunitários de Guabiruba terão início em fevereiro

A Secretária de Esportes de Guabiruba, Márcia Hoschprung Watanabe em entrevista à Rádio Cidade destacou que ele a primeira atividade esportiva do ano, que acontece em fevereiro já começou a ser organizadas. Ela conta que os regulamentos já foram entregues aos participantes.

Os Jogos Comunitários 2020 terão início no dia 29 do fevereiro. “É a maior competição do município, participam cerca de 2 mil pessoas, são 37 modalidades”. Márcia conta que a competição envolve os guabirubenses por três meses.

Ela explica que o trabalho de organização inicia no final de 2019 para quando chegue perto da data do início dos jogos tudo já esteja pronto. “São muitas pessoas envolvidas, precisamos de planejamento para que tenhamos uma boa competição”, salientou Márcia.

 

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Evento de lançamento do catarinense 2020 dá a largada para o estadual

Foi dada a largada para o Campeonato Catarinense 2020! Contando com a presença de presidentes e representantes dos 10 clubes da Série A e marcas parceiras, imprensa e convidados especiais, o evento de lançamento do Campeonato destacou a organização para a edição que se aproxima e foi um momento de confraternização do futebol do Estado. O palco foi Balneário Camboriú, na sede da Federação Catarinense de...
Continuar lendo...

Guabiruba altera data da escolha de vagas para professores ACTs

A Secretaria de Educação de Guabiruba, realizou mudanças na escolha de vagas para professores ACTs da rede municipal de ensino. A alteração se justifica devido à homologação final do último concurso público realizado em 2019 pela Prefeitura de Guabiruba ocorrer somente no dia 23 de janeiro de 2020. Seguem as informações sobre a alteração nas datas para escolha dos seguintes...
Continuar lendo...

Família de Delfim perde ação contra Federação Catarinense de Futebol

Os herdeiros do ex-presidente da Federação Catarinense de Futebol, Delfim de Pádua Peixoto Filho, morto no desastre aéreo em 2016 com a delegação da Chapecoense, vão ter que pagar um milhão de reais de honorários advocatícios. Isso porque eles entraram na justiça para caracterizar vínculo empregatício, exigindo R$20 milhões da FCF, e perderam a ação. Delfim foi eleito presidente da Federação em 1986. Foi contratado para exercer também a função de superintendente, com...
Continuar lendo...