Universitários alemães e brasileiros se juntam para idealizar soluções de mobilidade sustentável

O prefeito de Brusque, Jonas Paegle, junto de integrantes do governo municipal, participou, durante a noite desta quarta-feira (30), da abertura do Workshop Mobilidade Sustentável, projeto que faz parte das 50 Parcerias Municipais pelo Clima e que reúne alunos intercambistas da Universidade de Ciências Aplicadas de Karlsruhe, na Alemanha, e do Centro Universitário de Brusque (Unifebe). O evento ocorreu na sala Monte Aconcágua, situada no Hotel Montez.

Durante sete dias, os estudantes estarão envoltos em atividades que visam a idealização de uma solução de mobilidade para os entornos da rota Brusque/Guabiruba. O resultado e as propostas construídas serão apresentadas para as duas universidades e, também, para o poder público. 

“Estaremos olhando em particular para as bicicletas e para o transporte público”, comenta o professor doutor em engenharia de transporte Cristoph Hupfer, representante da instituição de ensino alemã, que lidera a comitiva estudantil alemã. “Olharemos para uma série de aspectos como segurança, design e facilidades”.

O chefe do Poder Executivo municipal comenta que este tipo de intercâmbio acaba trazendo frutos mensuráveis, sobretudo, no futuro. “Todas as modificações que precisam ser feitas no trânsito e na nossa mobilidade, precisam ser estudadas por quem realmente entende do assunto, então por isso que este tipo de acontecimento em muito nos orgulha”, comenta.

A programação dos estudantes contempla estudos de campo, levantamentos topográficos, estudos de relevos, dentre outros. Para o diretor financeiro de Karlsruhe, Ragnar Watteroth, a troca de conhecimentos entre os universitários dos dois países se faz importante, já que os problemas climáticos são os mesmos.

“Quando várias pessoas pensam juntas, surgem boas ideias de mobilidade. Sem contar que quando pessoas jovens se dedicam sobre este assunto, acabamos garantindo uma visão responsável para o nosso futuro”, ressalta Ragnar.

Quem corrobora com essa visão é a reitora da Unifebe, Rosemari Glatz. “Até terça-feira esses alunos dos dois países irão trabalhar juntos, pensando mobilidade, e o resultado disso nós poderemos aproveitar no Plano de Mobilidade Urbana que está sendo idealizado pela Unifebe, para a Prefeitura de Brusque”, finaliza.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões