Hospital Dom Joaquim inicia atendimento de plantões

Uma cerimônia com a presença de autoridades municipais, representantes das diretorias dos hospitais Dom Joaquim e Azambuja e imprensa marcou, na tarde desta quinta-feira (31) o início do Pronto Atendimento do Hospital de Dom Joaquim, já a partir desta sexta-feira (1º). O diretor presidente, padre Valdir Prin, disse em seu discurso que a partir deste convênio com a Secretaria Municipal de Saúde, a unidade deixa de ser um hospital do bairro e passa a ser de toda a comunidade brusquense.

Para o prefeito Jonas Paegle, hoje o Hospital Dom Joaquim passará a atender em regime de plantão de baixa e média complexidade, mas ele acredita que logo poderá passar a atender casos de alta complexidade. O prefeito lembrou que, ao assumir em 2017,  vários setores da Prefeitura estavam em situação crítica, assim como a saúde, “hoje nós estamos vivendo um momento histórico para Brusque com a implantação de mais uma opção de Pronto Atendimento para a cidade.

O padre Valdir Prin disse que a expansão no horário de atendimento aos finais de semana era um anseio das famílias e a comunidade tem elogiado muito esta iniciativa. “Quando colocamos esta iniciativa nas mídias da paróquia, teve mais de três mil acessos elogiando a medida, por que a dificuldade que eles tinham para se deslocar ao Hospital de Azambuja era grande”.

Para o administrador do Hospital de Azambuja, Evandro Roza, a cidade cresceu e era notória a dificuldade do Hospital de Azambuja e elogiou a parceria com a Prefeitura criando esse plantão de finais de semana e disse que é importante o hospital de Dom Joaquim abrir essa possibilidade de atendimento ambulatorial, com a mesma capacidade que já tem o Hospital de Azambuja.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões