Quando enxergar vira uma nova forma de viver a vida

Beatriz Nascimento da Silva, moradora do Bairro São Luis, em Brusque, tem 76 anos de idade e estava rindo à toa na tarde desta quinta-feira (24). Ela comemorava o sucesso da cirurgia nos dois olhos, realizada no Hospital de Penha, no litoral. Feliz da vida, ela fez questão de tirar os óculos escuros que usava para mostrar, apesar da visão ainda turva, o novo brilho nos olhos.

“Eu tinha medo de operar. Já podia ter operado há muito tempo. Fui chamada uma vez, porque já tinha operado o coração e o pulmão e estava com muito medo”, relatou ela, trocando o dilema pelo riso após dizer que na última semana tomou coragem para encarar o centro cirúrgico.

Dona Beatriz estava no Hospital de Penha junto com a filha, Lucia. Elas integravam o grupo que foi nesta quinta-feira para o mutirão de cirurgia naquela unidade, a partir de convênio com a Prefeitura de Brusque para atender a 280 pacientes do Sistema único de Saúde (SUS) que foram chamados.

Entre estes também estava Irma Cipriani Hilheshein (70), moradora da Travessa Dom Joaquim. Ela conta que aguardava há cerca de 20 anos para poder fazer a cirurgia. Isso porque o profissional e a atendia dizia que não era tempo de fazer a operação.

“Daí troquei, fui na Policlínica e a médica já me encaminhou para cá. Já até enxergando bem melhor”, riu ela.

Nesta quinta-feira, o ônibus que levou os pacientes de Brusque transportou 91 de um total de 98 que haviam agendado as cirurgias. Oito faltaram. Dos que fizeram as cirurgias, alguns vão precisar retornar no domingo (27).

“Eles estavam muito tensos. Temos mais 74 para domingo, fora esses doze que vão retornar”, explica a enfermeira Bernadete Felício, uma das coordenadoras da equipe. Somente esta semana, já foram 160 pacientes que se deslocaram até Penha e fizeram as cirurgias.

O administrador do hospital, Fabiano Amorim, conta que o hospital atendeu prontamente o pedido feito pela Secretaria Municipal da Saúde de Brusque, através da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí (Amfri). Diariamente, são realizadas em torno de 180 cirurgias na unidade por mês.

“Este ano já ultrapassamos mil cirurgias comuns e, agora, com ortopedia, cirurgia geral e urologia. Aguardamos fazer de mil a 1.100 de cataratas. Nós, aqui, fizemos isso com naturalidade, atendemos a região também”, pontua ele.

O hospital possui uma equipe de oito médicos, entre cirurgiões e anestesistas, 25 funcionários nas áreas administrativa e de enfermagem. Na estrutura física, são 30 leitos e duas salas cirúrgicas.

“Vamos ficar sete dias fazendo essas cirurgias, nesse volume, para a região, incluindo Brusque”, frisou ele.

Três anos depois de fazer a primeira cirurgia de catarata em um dos olhos, Julio Cesar de Souza (60) também estava em Penha nesta quinta-feira. O procedimento dele não durou mais do que dez minutos, mas o suficiente para o deixar mais feliz no retorno a Brusque.

“É uma benção, graças a Deus, agora poder enxergar melhor. Operei a catarata três anos atrás, do olho esquerdo, e fui deixando. Foi prejudicando. Fui no posto, fiz o cadastro e fui chamado”, disse ele, que foi o último a ser operado nesta quinta-feira.

Todos os pacientes que realizaram as cirurgias terão de retornar para uma nova avaliação e ver como foi a relação do organismo.

Lançado no dia 15 de setembro, o mutirão de oftalmologia da Secretaria Municipal da Saúde de Brusque pretende atender a 280 pacientes que aguardam por cirurgias. Muitos já haviam recebido atendimento na primeira etapa, realizada no final do primeiro semestre deste ano.

 

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Areias NH é campeão no campeonato do Sintricomb

A equipe Areias NH é a campeã do 20º Campeonato de Futebol do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Brusque e região (Sintricomb), taça 60 anos. O título veio depois de uma final eletrizante contra a Rieg Pré-Moldados na tarde de sábado (09) no campo do Recanto Claraíba, em Nova Trento.  O placar ficou em 3 a 1 para a NH. Antes da final, as equipes da Brusnova e...
Continuar lendo...

Motociclista sofre fratura exposta em acidente grave

Por volta das 16h30 desta terça-feira (29) a guarnição do Corpo de Bombeiros de Brusque se deslocou até a rua Primeiro de Maio, no bairro Primeiro de Maio, para atende uma colisão envolvendo carro e motocicleta. O veículo envolvido foi um Ford Focus, placa de Ascurra (SC) e estava sendo conduzido por uma mulher de 41 anos de idade que nada sofreu, assinou termo de recusa e permaneceu no local; e na carona estava um homem de 52 anos, que nada sofreu,...
Continuar lendo...

Acidente entre duas motos deixa uma vítima sem gravidade

Nesta sexta-feira (8), por volta das 14h27, o Corpo de Bombeiros se deslocou até a rodovia Ivo Silveira, bairro Steffen, para atender um acidente de trânsito envolvendo duas motocicletas. Chegando ao local, encontrou a primeira vítima, uma mulher, maior, de iniciais,  d. T. P., de 36 anos de idade, a mesma estava deitada, consciente, orientada, sinais vitais normais, apresentando contusão e edema no tornozelo. Após o atendimento pré-hospitalar a...
Continuar lendo...