Trio é condenado a mais de 20 anos por assalto a motorista de aplicativo

Três homens que assaltaram um motorista de aplicativo no início deste ano, mediante grave ameaça e com emprego de arma de fogo, foram condenados a mais de 20 anos de reclusão. O fato ocorreu no dia 1º de fevereiro, por volta das 15h30min, quando o trio rendeu o motorista credenciado no aplicativo Uber.

Segundo denúncia do Ministério Público, os acusados solicitaram à vítima que os levasse de uma pousada na cidade de Penha até o shopping localizado em Itajaí. No decorrer do trajeto, como consta nos autos, o trio pediu para retornar a Navegantes e, chegando a uma rua no centro da cidade, os homens determinaram que a vítima descesse e fugiram levando dinheiro, celular e o veículo. Os assaltantes foram localizados pela Polícia Militar e presos na casa de um deles após o crime.

Um dos assaltantes foi condenado a oito anos, oito meses e 16 dias de reclusão, em regime inicialmente fechado, e os outros dois à pena individual de seis anos, dois meses e 20 dias de reclusão, em regime inicialmente semiaberto. A decisão foi prolatada no último dia 9 de setembro pelo juiz Gilberto Gomes de Oliveira Júnior, titular da Vara Criminal da comarca de Navegantes. Eles não poderão recorrer da decisão em liberdade

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões