Evandro Guimarães diz que é hora de cobrar atitude do time

A derrota do Brusque FC na tarde desta quarta-feira (18) para o Figueirense por 2 a 1, no estádio Orlando Scarpelli, expôs um time frágil e sem padrão de jogo. Ao final da partida, em entrevista à Rádio Cidade, Evandro Guimarães avaliou que o time foi muito abaixo do esperado e atribuiu o resultado às mudanças que teve que fazer.

“Nós tivemos que fazer mudanças em muitos setores, o Ruan que não pode jogar e a entrada do Maycon que não vinha jogando e que teve a primeira oportunidade hoje. Nós tivemos a saída de Airton por desconforto muscular e tivemos que colocar o Luiz Henrique, e nossa equipe ainda está tentando se encontrar, tem jogos que vai oscilar e hoje foi um deles”, avaliou o treinador.

Evandro disse que o time tomou um gol muito cedo e o segundo não se justifica. “Mas nós vamos dar uma chacoalhada na rapaziada para no próximo jogo voltar com tudo. Nós estamos preocupados porque é uma equipe que veio de uma conquista e que depois tem que alimentar essa equipe para ela voltar a conquistar de novo, não é tão simples e com a saída dos atletas, mas nós não estamos buscando desculpa não, estamos tentando trabalhar e ver como nós vamos fazer da melhor maneira de mudar. Eu cobro dos atletas desde que cheguei, mas agora vamos cobrar mudança de atitude e não deixar que a conquista do passado influencie no desempenho atual”, avaliou. 

O treinador brusquense, que já sofre forte pressão da torcida, disse que o time precisa ser mais agressivo na parte defensiva, pois s equipe precisa ter equilíbrio na marcação e no ataque, “mas chegaram jogadores ontem, hoje, anteontem e nós temos consciência que é uma responsabilidade que temos que absorver”, disse Evandro. 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões