Veículo Duster é furtado na Av. Getúlio Vargas

Por volta das 11h52 de sexta-feira (06) o Centro de Operações da Policia Militar de Brusque (Copom) foi informado de um furto de veículo ocorrido na Avenida Getúlio Vargas, no centro II.

A vítima relatou a guarnição da PM que deixou seu Renault /Duster de placas MJN-8944 estacionado na referida avenida por volta das 11h50, e ao retornar não encontrou mais o veículo no local.

Ainda de acordo com a vítima também foram levados seus documentos pessoais, CPF, CNH, Carteira de reservista e RG, bem como seu cartão do Banco do Brasil que estavam no interior do veículo.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Homem é preso empurrando moto com chassi remarcado

Nesta segunda-feira (10), por volta das 23h10min, uma guarnição da Polícia Militar foi acionada na rodovia Antônio Heil, bairro Santa Terezinha. Policiais do Copom visualizaram, através das câmeras do fundo do Batalhão, um homem que estava empurrando uma motocicleta e que estaria em atitude suspeita, bastante nervoso, e a todo momento olhando para trás. Diante disso, a guarnição foi acionada e conseguiu realizar a abordagem...
Continuar lendo...

Últimos dias para se inscrever para o concurso da Realeza da Fenarreco

Encerra na próxima sexta-feira (20) o prazo de inscrições para o concurso que elegerá a realeza da 35ª Fenarreco. Para se inscrever é necessário ter entre 18 e 25 anos de idade. As interessadas devem acessar o site da Prefeitura de Brusque, no menu Editais, e fazer download da ficha de inscrição. Toda documentação, além de uma fotografia recente e um breve histórico da candidata, deve ser entregue na...
Continuar lendo...

TJ nega liberdade a homem que matou motorista após briga de trânsito

A 2a Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), em matéria sob a relatoria do desembargador Sérgio Rizelo, decidiu terça-feira (3/9) negar o pedido de liberdade a homem que participou do assassinato de um motorista, após a briga de trânsito em estacionamento de um supermercado, em Itajaí. O crime de homicídio qualificado, pelo motivo torpe e impossibilidade de defesa, aconteceu após a colisão...
Continuar lendo...