DEIC esclarece roubo de duas cargas de têxteis avaliadas em mais de R$ 250 mil

A DFRC/DEIC (Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas da Diretoria Estadual de Investigações Criminais) elucidou dois roubos de cargas ocorridos nos municípios de Itajaí  e Blumenau. O investigado por ser o responsável pelas subtrações - 25 toneladas em produtos têxteis avaliadas em R$ 171 mil e uma carga de fogões avaliada em R$ 85 mil -, era o motorista dos veículos, que realizou falsa comunicação de roubo para a Polícia Civil após os crimes.

A investigação começou a ser realizada após a comunicação do roubo da carga de produtos têxteis em Itajaí no dia 21 de janeiro. Na ocasião, o motorista do caminhão informou ter sido mantido refém e liberado horas depois na cidade de Joinville, apontando inclusive um homem como sendo um dos assaltantes.

O caminhão foi localizado no dia 23 em um posto de combustíveis na cidade de Itajaí, juntamente com o semirreboque e o contêiner, porém sem a carga. Após diversas apurações, a Polícia Civil constatou que o álibi do motorista era falso, e que o indicado como sendo um dos assaltantes era seu desafeto, que tinha atentado contra sua vida pouco tempo antes devido à desavenças entre eles.

Com a apreensão do caminhão e análise das imagens, foi possível elucidar outro crime de furto ocorrido no dia 8 de dezembro de 2018, nas proximidades do trevo de acesso a Blumenau. Na ocasião, foi subtraído um contêiner com um carregamento de fogões, sendo o motorista o mesmo que comunicou o falso roubo à carga de têxteis em Itajaí. Com o término do inquérito policial, o motorista foi indiciado pela prática dos crimes de furto, falsa comunicação de crime e denunciação caluniosa.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões