Camisa do Bruscão nas mãos do presidente da República

A camisa do Brusque Futebol Clube foi parar em Brasília. Mais precisamente nas mãos do presidente da República, Jair Bolsonaro. O fato aconteceu esta manhã, através de uma comitiva catarinense, liderada pela Associação Catarinense das Emissoras de Rádio e Televisão (Acaert), em encontro da mídia regional do Sul.

O encontro é inédito, pois é a primeira vez que um presidente da República recebe grupo semelhante ligado à comunicação de Santa Catarina. Ele é parte do Momento Brasil, série de eventos promovidos pela Acaert.

No mês passado, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, esteve em Florianópolis a convite do grupo para uma palestra.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Sintrivest sedia reunião da Fetiesc

Na última sexta-feira (16) o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Vestuário de Brusque e Guabiruba (Sintrivest) sediou a reunião do Departamento Têxtil da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fetiesc). O evento reuniu representantes de 14 sindicatos da categoria, de todo o estado, que discutiram sobre a conjuntura nacional, a Reforma da Previdência, a Medida Provisória nº 881...
Continuar lendo...

Governador planeja retomada gradativa da atividade econômica e projeta 713 novos leitos de UTI

O governador Carlos Moisés informou que o Governo de Santa Catarina já tem um planejamento para a retomada da atividade econômica. As ações serão gradativas, conforme ocorra uma evolução controlada do número de casos de coronavírus no estado. O objetivo é adequar as medidas de isolamento à necessidade dos catarinenses com segurança. Ao mesmo tempo, o Estado pretende ampliar em 713 os leitos de UTI nos...
Continuar lendo...

Brusque fecha setembro com saldo positivo de empregos

O mês de setembro mostra uma forte reação do setor industrial brusquense e fecha com saldo positivo de 315 vagas formais abertas no período. Os dados foram divulgados pelo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho. No período, foram 2.040 contratações contra 1.725 demissões.  Nos nove meses iniciais de 2019 o saldo também é positivo com 3.311 vagas abertas com carteira assinada...
Continuar lendo...