Audiência Pública debate o uso indevido das Praças

O assunto da audiência realizada na Câmara de Vereadores de Brusque foram as Praças da cidade. Através do vereador, André Rezini, foi aprovado requerimento e realizado nesta quarta-feira (21) um encontro entre os órgãos responsáveis e ligados as situações das praças no que se refere a barulhos em excesso, limpeza, manutenção de equipamentos, iluminação, mas o foco principal foi ocupação de moradores de ruas.

A Assistente Social e Coordenadora do Creas, Flávia Domingues, representou a secretária de Assistência Social do município, e trouxe alguns dados em relação aos moradores de rua. “Temos atualmente mais de cem pessoas que vivem nas ruas e que não querem nenhum tipo de intervenção. Dentro das possibilidades fazemos as abordagens, mas é uma situação difícil. Contamos com o apoio dos policias militares, pois muitas vezes não somos bem recebidos durante a abordagem”, frisou ela.

Durante a audiência diversas foram as manifestações, inclusive moradores de arredores de praças participaram.

O vereador, André, avaliou de forma positiva o encontro. “Foram muitas ideias trazidas, de pontos de vista diferentes, agora vamos trabalhar nesse projeto. Sabemos que o problema não é somente em Brusque, mas temos que pensar em resolver começando por aqui. É um assunto complexo, mas com a união de todos teremos grandes resultados”, afirmou ele.

A Polícia Militar que também atua diretamente nessas ocorrências esteve representada pelo 1º tenente, Joaquim Soares de Lima. De acordo com ele, é rotineira as chamadas para este tipo de situações. “Recebemos muitas ligações de perturbação de sossego, então esses encontros são importantes para que possamos debater e achar saídas para coibir o uso indevido das praças”, declarou ele.

A audiência teve duração de 1h30.  

 

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões