Homem é preso após usar máscara de borracha para assaltar banco

Na tarde desta segunda-feira (12), os policiais militares foram acionados para atender uma ocorrência de roubo a banco em Jaraguá do Sul. 

No local, um ex-funcionário teria entrado no Banco do Brasil com uma arma falsa. Segundo informações o assaltante foi até a tesouraria e rendeu os funcionários. Ao perceberem que a arma era falsa ele saiu correndo e pulou a janela caindo sobre um veículo e quebrou a perna.

A farsa foi descoberta após os policiais militares notarem que o ex-funcionário do banco usava uma máscara de borracha.

FONTE / Diário Costa Esmeralda

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

TG celebra Dia dos Pais com churrasco de confraternização

O Tiro de Guerra de Brusque realizou no dia 10 de agosto, sábado, um churrasco em homenagem aos pais dos atiradores regularmente matriculados. A exemplo do ano passado, os atiradores presentearam seus pais com a caneca personalizada com o símbolo do TG e com uma mensagem personalizada. Em alusão à data, o TG está realizando uma competição de tiro ao alvo, em dupla (Atirador-Pai), competindo contra as outras duplas, executada em parceria com o...
Continuar lendo...

Juíza nega liminar do MP que pedia recolhimento de ingressos

A juíza Mônica Cristina Raposo da Câmara Chaves do Carmo, titular da 10.ª Vara Cível e de Acidentes de Trabalho, da Comarca de Manaus, indeferiu ao pedido da 51.ª Promotoria de Justiça Especializada na Proteção e Defesa do Consumidor na ação cível pública que pleiteava o recolhimento dos ingressos já vendidos para o jogo Manaus Futebol Clube (AM) x Brusque (SC), pela final da Série D do Campeonato...
Continuar lendo...

Homem com 50% do corpo queimado em incêndio na cela de DP será indenizado

Um homem que teve mais de 50% do corpo queimado após a cela onde estava pegar fogo, em Brusque, será indenizado pelo Estado em R$ 30 mil por danos morais e estéticos. O fato ocorreu em janeiro de 2011, quando o autor foi detido na delegacia de polícia civil em decorrência de desentendimentos com seus familiares. Horas depois, o local começou a pegar fogo, que se alastrou rapidamente pelo colchão e causou graves queimaduras no corpo do detido. O...
Continuar lendo...