Atletas de Brusque vão nadar competição no Uruguai

Sete atletas da natação de Brusque terão a experiência de participar de uma competição internacional, pela primeira vez, a partir da próxima semana. Os nadadores da equipe Natação Brusque/FME, Arthur Assino, Eduardo José Duarte, Manuela Klann, Lucas Rech, Henrique Pavesi, Ana Lúcia Fiuza de Carvalho e Ieda Todt vão representar a Seleção Catarinense do Vale Europeu na Copa Olimpia, que será disputada nos dias 16 e 17 de agosto na cidade de Montevidéu, no Uruguai.

O técnico José Armando Vasquez Soto, o Bay, ressalta que essa é uma tradicional competição realizada todos os anos no Club Atletico Olimpia. “É um clube antigo que há muitos anos promove essa competição. Todos os anos a equipe de Blumenau participa, e por volta de 1995, creio que Brusque já participou. Esse ano montamos uma Seleção Catarinense do Vale Europeu, que será formada por atletas de Brusque, Blumenau e também da cidade de Indaial”, explica.

Ele diz que será uma grande experiência para os atletas, que nunca tiveram essa oportunidade de sair do país e até mesmo competir contra nadadores de outras nacionalidades. Estão confirmados na disputa seis equipes uruguaias e outras duas argentinas (uma de Córdoba e outra da cidade de Rosário). “Acredito que será uma competição forte, porque dentro da Argentina e Uruguai há nadadores de alto nível, mas a gente vai focado para fazer uma boa competição e, de repente, trazer bons resultados”, diz.

Os atletas também estão otimistas e, claro, ansiosos para o desafio, como relata Arthur Assino, que vai competir nas provas de 100 metros livre e 200 medley. “É algo muito legal e que dá um frio na barriga, mas espero nada bem e, quem sabe, melhorar meu tempo”. Lucas Rech será o mais novo da equipe na delegação brusquense e é outro que espera melhorar a performance. “Será minha primeira vez saindo do Brasil, e com certeza uma grande experiência”, diz o nadador, que vai competir em três provas: 100 metros borboleta, além dos 200 medley e 200 livre. Uma das representantes femininas do grupo, Manuela Klann é outra que ressalta a experiência. “É algo muito gratificante ir para outro país e ter a possibilidade de conhecer gente nova. Quero aproveitar muito e buscar melhorar meu desempenho”, finaliza.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões