159 casais no casamento coletivo de Brusque

A celebração do Amor. A confirmação perante a lei da união de um casal. Foi neste clima de festa, alegria e emoção que ocorreu o último evento oficial da prefeitura de Brusque em 4 de agosto, dada da fundação da cidade. O Casamento Coletivo Véu de Noiva, reuniu 159 casais no pavilhão da Fenarreco, mesmo número da idade que cidade comemorou neste domingo. 

A ação foi uma promoção da Secretaria de Assistência Social e Habitação que desde de fevereiro iniciou os preparativos desta grande solenidade que reuniu familiares, autoridades e a comunidade em geral que puderam ouvir dos noivos a promessa do “eu aceito”. Segundo o secretário Deivis da Silva, houve uma procura superior ao número de casais que formalizaram a união, mas muitos não conseguiram providenciar a documentação a tempo e, no final do edital, foi possível reunir a quantidade exata de noivos a idade da cidade. “Eu chamo a atenção na alegria desses casais, muitos deles com mais de 10, 20 anos de vivência, mas que tinham a mesma ideia de formalizar sua união e fazer um casamento com todas as formalidades, com o vestido de noiva o traje do noivo como eles tem direito. Isso é gratificante”, comemora Deivis.

Para o prefeito de Brusque, Jonas Oscar Paegle, o casamento coletivo significa o compromisso da cidade em ir além das obras e ações tradicionais. “É um momento de valorizar a família, pois a união desses casais que muitos já têm filhos, tem a oportunidade de confirmar perante a lei da sua situação matrimonial. Os casais e Brusque estão de parabéns por esta oportunidade”, comenta. 

O ato civil foi realizado no sábado (3), onde todas as formalidades perante a lei foram cumpridas perante o cartório de registro civis. No domingo (4), foi a cerimônia religiosa ecumênica e festival, que contou com a presença de padre e pastores, respeitando a crença dos noivos.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões