Governo anunciará nos próximos dias as regras para a liberação do dinheiro das contas ativas do FGTS

Na tarde desta quarta-feira (17) o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que o governo anunciará nos próximos dias as regras para a liberação do dinheiro das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Segundo ele até 35% do valor depositado pelo empregador atual poderá ser retirado das contas. O percentual dependerá da renda do trabalhador.

A expectativa é que a medida libere R$ 42 bilhões para os trabalhadores. Além disso, devem ser liberados outros R$ 21 bilhões dos recursos do Pis/Pasep.
Conforme o ministro os recursos do FGTS vão poder ser sacados no mês de aniversário dos que tiverem o benefício disponível.
Este plano de liberar recursos das contas ativas do FGTS já vem sendo discutido há meses pelo governo, que tem a intenção de estimular à economia do país.

Em 2017 durante o governo de Michel Temer (MDB) os trabalhadores puderam sacar recursos das contas inativas do FGTS. Na época foram liberados R$ 44 bilhões

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões