TJ mantém prisão preventiva de motorista de Jaguar

A 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), em matéria sob a relatoria do desembargador Alexandre d'Ivanenko, manteve nesta quinta-feira (11/7) a prisão preventiva do motorista do Jaguar responsável pela morte de duas pessoas no dia 23 de fevereiro deste ano, em Gaspar. O acidente de trânsito, que também deixou outras três pessoas feridas, aconteceu na rodovia BR-470, após o motorista ser filmado na condução do veículo em zigue-zague e pela contramão, até colidir com um veículo Palio. O condutor segue recolhido no Presídio Regional de Blumenau.

O julgamento do habeas corpus teve início no dia 27 de junho, mas naquela oportunidade o desembargador Sidney Eloy Dalabrida pediu vista dos autos e o julgamento foi temporariamente suspenso. Na época, o desembargador Alexandre d'Ivanenko, presidente da câmara e relator do HC, já havia votado contra a soltura do acusado, sob o argumento de garantia da ordem pública e de aplicação da lei penal.
 

Nesta quinta-feira (11/7), o julgamento prosseguiu e a câmara decidiu negar o habeas por maioria de votos. O desembargador Sidney Eloy Dalabrida, em seu voto vista, posicionou-se pela liberdade do réu mediante aplicação de medidas cautelares, pois entendeu que as provas colhidas não demonstram sua periculosidade e os possíveis riscos podem ser controlados com sanções alternativas. 

As medidas propostas por ele foram: suspensão da Carteira Nacional de Habilitação, entrega do passaporte, comparecimento em juízo, proibição de sair da comarca sem autorização e recolhimento domiciliar noturno. "Não vislumbro o risco de reiteração criminosa a ser conjurado através do aprisionamento provisório. A constrição da liberdade para assegurar a aplicação da lei penal também não se sustenta. Não há nos autos elementos de convicção que o paciente em liberdade vai evadir-se, (...) em função da condição econômica do acusado", disse o desembargador Dalabrida. Na sequência, o desembargador José Everaldo Silva, em voto minerva, acompanhou a posição do relator para manter a prisão do motorista. 

A filmagem do veículo do acusado em zigue-zague momentos antes do acidente e uma foto dele quando bebia com amigos instantes antes do fato serviram para o magistrado firmar posição no sentido de manter a prisão preventiva. "Há um acidente em que ele derrubou a parede de um bar e saiu do local. Há ainda a reiteração das multas. Nos últimos anos, ele coleciona a granel várias e várias multas, inclusive já deveria ter perdido a carteira pelos pontos acumulados. Esses elementos me levam a crer na necessidade de manter a custódia", argumentou o desembargador José Everaldo.

A juíza Camila Murara Nicoletti, titular da Vara Criminal da comarca de Gaspar, em sentença de pronúncia no dia 6 de junho, decidiu que o motorista enfrentará júri popular sob a acusação de homicídio consumado por duas vezes e homicídio tentado por três.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Acidente na SC-486 expõe necessidade de redutor de velocidade

Um acidente registrado por volta das 23h deste sábado (13) na rua do Cedro (SC-486), bairro Dom Joaquim, voltou a preocupar os moradores que pedem há muito tempo a implantação de um redutor de velocidade naquele trecho da via. Desta vez o motorista de um Ford Fiesta sedan, de cor prata, placas de Gaspar, perdeu o controle do veículo e capotou na rodovia. O acidente desta vez não deixou vítima com ferimentos e o motorista, segundo...
Continuar lendo...

CTG Laço do Bom Vaqueiro de Brusque elegeu nova diretoria

Na terça-feira (16), aconteceu na sede do CTG Laço do Bom Vaqueiro, assembleia para a eleição da nova diretoria da entidade para o triênio 2019 a 2021. Apenas uma chapa foi inscrita e a mesma foi eleita por unanimidade. Logo após a eleição, a nova diretoria e os demais integrantes passaram a tratar dos detalhes do 35º Rodeio Crioulo Nacional do CTG Laço do Bom Vaqueiro e da construção da futura sede da entidade,...
Continuar lendo...

Acidente na avenida Beira Rio entre veículos deixa dois feridos

Por volta das 5h  desta quinta-feira (11) o Corpo de Bombeiros de Brusque foi acionado para atender uma ocorrência de acidente de trânsito na avenida Bepe Roza (Beira Rio), envolvendo um veículo Corsa sedam, de cor preta, placas de Brusque, e um Fiat Uno, de cor branca, também de Brusque. No local, foram constatadas duas vítimas, conscientes e orientadas. A primeira, condutor do Corsa, foi encontrada andando, reclamava de dores no tórax e na...
Continuar lendo...