Dano moral para jovem forçada a cobrir top com blazer para entrar em banco no verão

Uma mulher que no frescor da juventude optou por vestir bermuda jeans, top e sandálias rasteirinha para enfrentar o calor estival do verão ilhéu será indenizada por instituição financeira cujo preposto obrigou-a a cobrir-se com um blazer para só então franquiar seu acesso à agência, onde necessitava realizar operações bancárias. Ao agir desta forma, interpretou o juiz Alexandre Morais da Rosa, titular do Juizado Especial Cível do Foro do Norte da Ilha, o banco impingiu à jovem situação constrangedora e atentatória à sua moral e dignidade, uma vez que discriminatória e sem qualquer razão prática de ser.

Para punir a atitude e quiçá persuadir a instituição para que não reitere em atitudes desta natureza, o magistrado condenou-a ao pagamento de indenização por danos morais, arbitrada em R$ 5 mil, com incidência de juros de mora de 1% ao mês a partir da citação, em 20 de abril deste ano, acrescido da correção monetária pelo INPC, a partir da publicação da sentença (26/06).

O banco defendeu-se nos autos ao alegar que regras internas impedem o ingresso de clientes vestidos com trajes de banho. "Os trajes da autora não eram de banho, biquíni ou maiô, conforme alegado pelo banco, mas sim uma vestimenta normal e simples, adequada ao clima de verão da Capital. Ser obrigada a vestir uma espécie de blazer (…) para adentrar na agência bancária é uma imposição deselegante, insensível e, mais importante, ilegal, já que não há regra alguma do banco, devidamente divulgada, que impeça a utilização de roupas leves, típicas de verão, conforme já dito, como (as) escolhidas pela autora", arrematou o magistrado. Há possibilidade de recurso.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

PF e Receita Federal apuram fraude tributária com compensação de créditos falsos

A Polícia Federal e a Receita Federal deflagraram, na manhã desta terça-feira (5/11), a Operação Saldo Negativo, destinada a combater grupo criminoso especializado em fraudar declarações de tributos federais através de compensação com créditos falsos. Cerca de 140 policias federais, com apoio de 41 servidores da Receita Federal, cumprem 25 mandados de prisão preventiva em desfavor de um servidor...
Continuar lendo...

Obras para acesso livre da Lauro Muller para a Getúlio Vargas estão em fase final

As obras que estão sendo realizadas na interseção da avenida Lauro Muller para a avenida Getúlio Vargas, no Centro II, esquina da antiga Italianinha, estão adiantadas e em fase final de conclusão. Neste sábado, 20, o prefeito em exercício, Ari Vequi, esteve visitando o local e conferindo a reestruturação viária do local que tem por objetivo dar fluidez ao tráfego de veículos que seguem da avenida Primeiro...
Continuar lendo...

Confira os principais pontos da MP da Liberdade Econômica

Aprovada ontem (21) à noite pelo Senado, a Medida Provisória (MP) da Liberdade Econômica pretende, segundo o governo, diminuir a burocracia e facilitar a abertura de empresas, principalmente de micro e pequeno porte. Na votação de ontem, os senadores retiraram do texto três artigos que alteravam o trabalho aos domingos. O texto aprovado pela Câmara autorizava que a folga semanal de 24 horas do trabalhador fosse em outros dias da semana,...
Continuar lendo...