Jones Bósio e mais três são condenados por crime de peculato

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) obteve a condenação de um ex-servidor do Tribunal de Contas do Estado e de três ex-servidores comissionados do Município de Brusque pelo crime de peculato, por terem desviado dos cofres públicos cerca de R$ 43 mil. As penas aplicadas a cada um dos réus variam de dois a três anos de reclusão, substituídas por penas restritivas de direitos.

A denúncia que resultou na condenação foi ajuizada pela 3ª Promotoria de Justiça da Comarca de Brusque, com atuação na área da moralidade administrativa. Na ação, o Promotor de Justiça Daniel Wstphal Taylor relata que, entre dezembro de 2007 e abril de 2008, Luiz Carlos Zaia, então servidor do Tribunal de Contas de Santa Catarina, recebeu valores por serviços não prestados do Município de Brusque.

Segundo o Promotor de Justiça, em quatro oportunidades servidores comissionados - Jones Bosio, Armando Knoublauch e Maicon Juliano Heil, este último por duas vezes - atestaram falsamente que empresas ligadas à família de Zaia prestaram serviços de consultoria ao Município. Desta forma, Zaia se apropriou indevidamente (sugestão) de cerca de R$ 43 mil, em valores da época, provenientes dos cofres da Administração Municipal de Brusque.

Diante dos fatos e provas apresentados pelo Ministério Público, o Juízo da Vara Criminal da Comarca de Brusque condenou Luiz Carlos Zaia a dois anos e seis meses de reclusão; Maicon Juliano Heil a três anos e um mês de reclusão; e Jones Bosio e Armando Knoublauch a dois anos e oito meses de reclusão cada um.

Conforme previsto no Código Penal, às penas privativas de liberdade foram substituídas por duas restritivas de direitos: pagamento de prestação pecuniária de 5 (Maicon), 10 (Armando) e 15 (Jones e Zaia) salários-mínimos e prestação de serviços comunitários à razão de uma hora por dia de condenação. A decisão é passível de recurso

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Filho tem surto e esfaqueia a própria mãe

A Polícia Militar em Camboriú atendeu uma ocorrência de violência doméstica, no Bairro Tabuleiro, ontem, quinta-feira (11). Um homem havia esfaqueado a sua mãe em diversas partes do corpo. A vítima estava sentada em uma cadeira, toda ensanguentada, e com lesões graves na cabeça e tronco. A vítima foi conduzida ao hospital consciente. No hospital, informou que seu filho é esquizofrênico, e teria tido um surto...
Continuar lendo...

Colisão entre duas motos na Beira Rio

Na madrugada desta segunda-feira (20) por volta das 04h19, o Corpo de Bombeiros foi acionado para  atendimento de acidente de trânsito envolvendo duas motos na Avenida Beira Rio, no bairro Santa Terezinha. No local, a guarnição encontrou a condutora de uma das motocicletas, mulher de 43 anos que apresentava fratura exposta na perna direita, suspeita de luxação no joelho direito e contusão na bacia. Após imobilização, a...
Continuar lendo...

Motorista é flagrado pela quinta vez dirigindo sob efeito de álcool

Policiais rodoviários federais flagraram ontem, domingo, dia dos pais, por volta das 12h, um motorista (39 anos) que dirigia alcoolizado e com o direito de dirigir suspenso por embriaguez na BR 470, em Blumenau. Houve várias denúncias contra o condutor por direção perigosa. Os policiais rodoviários federais o abordaram e constataram que ele estava com o direito de dirigir suspenso por já ter sido flagrado dirigindo sob efeito de...
Continuar lendo...