Educação de mãe reflete nas escolhas profissionais do filho

A educação de berço certamente reflete nas escolhas profissionais dos filhos. Um exemplo está na família Mara Regina Sedrez, 58, que fala com orgulho da escolha do filho, Guilherme André Sedrez, 33, que decidiu atuar como policial militar, mas explorando sua vocação para ensinar. Ele é responsável por ministrar palestras através do Proerd (Programa de Erradicação das Drogas), no 18º BPM (Batalhão da Polícia Militar).

Mara conta que seu filho era apaixonado por futebol e na adolescência dizia que seria jogador de futebol. Na hora de fazer um curso superior, conta a mãe, ele optou por Educação Física e chegou a lecionar na rede pública municipal. Por influência de um amigo, o tenente Wilker,  o Sedrez decidiu encarar o concurso da Polícia Militar e foi aprovado. Hoje ele é cabo na corporação e trabalha junto às escolas, ministrando palestras para alertar os alunos sobre os riscos do consumo de drogas.

A mãe não esconde que sempre foi muito rigorosa na educação e acredita que este seu jeito de ser ajudou o filho a entender que na vida a hierarquia deve ser respeitada. A família que é genuinamente brusquense, é muito unida e em todas as ocasiões festivas se reúne para comemorar. Ela não abre mão de passar com a família, seguindo uma tradição familiar.

Mas é quando fala dos netos que a emoção rola solta. Mara conta que ser avó é, certamente, ser mãe pela segunda vez. Muito emocionada, ela conta que tem muito prazer em recebe-los em casa, mas não permite que eles façam tudo o que bem entenderem. Assim como na educação dos filhos, a regra é rígida.

Ao questioná-la sobre o presente ou conselho que daria ao filho neste Dia das Mães, ela disse que é aconselhar o cabo Sedrez para que nunca tire proveito de sua profissão para se sobrepor ao próximo, para que ele seja um bom policial, defendendo sempre a comunidade.

 
Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões