"A grande maioria está ali porque não quer limite"

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação da Prefeitura de Brusque apresentou esta tarde um relatório de atendimento e ações desenvolvidos em torno dos moradores de rua. A conversa com profissionais da imprensa contou com a participação da Polícia Militar, através do comandante do 18º BPM, tenente-coronel Otávio Manoel Ferreira Filho.

De acordo com números apresentados pelo secretário Deivis da Silva, a pasta gastou com apoio a pessoas em situação e rua R$ 1,617 milhão nos últimos doze meses. O montante diz respeito a passagens custeadas a pessoas que chegaram a Brusque oriundas de outros municípios e estados, bem como alimentação, servidores que trabalharem nesse atendimento, campanhas educativas e construção de albergue.

O comandante da PM disse que é preciso endurecer o trato com os moradores de rua e não trata-los como vítimas da sociedade. Isso porque, na visão do policial, a vitimização não ajuda em nada a estes deixaram as vias públicas em busca de melhorar suas situações de vida.

“A grande maioria está ali porque não quer limite. Quer estar no mundo do crime, no mundo das drogas e não querem estar cumprindo regras”, pontuou ele.

Otávio disse que está em vigor uma lei que trata da contravenção da vadiagem e que pode ser aplicada, fazendo com que a polícia possa agir para remover das ruas quem está ocupando elas sem nenhum atividade e utilidade. Porém, ainda de acordo com o policial, a PM só vai agir se tiver respaldo de órgãos como o ministério Público e o próprio Judiciário.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Médica denuncia furto e emissão de atestado usando seu nome

Uma médica que atua na rede pública de saúde de Brusque denunciou à Polícia Civil o furto e emissão de atestado utilizando seu nome. O caso teria ocorrido na última terça-feira (14). Ela acusa, inclusive, uma servidora do mesmo setor em que atua de ter cometido o crime. De acordo com a mulher, ela estava afastada da atividade na terça-feira por conta de problemas de saúde. No dia seguinte, quando retornou ao trabalho, foi...
Continuar lendo...

Queda de muro atinge operário no bairro Primeiro de Maio

O Corpo de Bombeiros de Brusque foi acionado por volta das 15h10 desta segunda-feira (06) para atender uma ocorrência de queda de parede na rua Carlos Ristow, bairro Primeiro de Maio. As informações iniciais davam conta que uma pessoa tinha sido atingida pelo escombros. Ao chegar ao local, os bombeiros constataram que era uma casa que estava sendo desmanchada e desabou atingindo um homem, de 70 anos de idade. Ele estava consciente e orientado, já fora dos...
Continuar lendo...

Estelionatários utilizam unidades do Poder Judiciário para aplicar golpes em SC

O Núcleo de Inteligência e Segurança Institucional do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (NIS/TJSC) identificou a prática de um golpe em unidades do Poder Judiciário. Nos últimos meses, o desfalque aconteceu em 13 das 111 comarcas. A farsa consiste em um estelionatário que se passa por magistrado, servidor ou policial e solicita a um prestador de serviços uma recarga de celular que será paga na entrega de outros produtos...
Continuar lendo...