Faltosos têm até dia 6 para regularizar o título de eleitor

Os eleitores que não votaram nem justificaram a ausência às urnas nas últimas três eleições têm até o próximo dia 6 de maio para regularizar a situação. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em todo o país, mais de 2,6 milhões de pessoas estão em situação irregular.

De acordo com o Tribunal, quem não acertar contas com a Justiça Eleitoral pode ter o título cancelado. O TSE informa que são incluídas eleições regulares e suplementares e que cada turno é considerado uma eleição.

O título de eleitor, conforme o TSE, é necessário para obter passaporte ou carteira de identidade e para receber vencimentos, remuneração, salário ou proventos de função ou emprego público, autárquico ou paraestatal, bem como de fundações governamentais, empresas, institutos e sociedades de qualquer natureza, mantidas ou subvencionadas pelo governo ou que exerçam serviço público delegado, correspondentes ao segundo mês subsequente ao da eleição.

O documento é exigindo para participar de concorrência pública ou administrativa da União, dos estados, dos territórios, do Distrito Federal, dos municípios ou das respectivas autarquias, para obter empréstimos nas autarquias, nas sociedades de economia mista, nas caixas econômicas federais e estaduais, nos institutos e caixas de previdência social, bem como em qualquer estabelecimento de crédito mantido pelo governo e com essas entidades celebrar contratos.

Concurso

Para inscrição em concurso ou prova para cargo ou função pública, e neles ser investido ou empossado, renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo e prática de ato para o qual se exija quitação do serviço militar ou imposto de renda igualmente é cobrado o título de eleitor. Sem título, o eleitor não consegue certidão de quitação eleitoral nem documentos em repartições diplomáticas.

O eleitor pode consultar sua situação no portal do TSE, na opção “situação eleitoral”, no canto superior esquerdo da página principal. Após preencher o nome completo e a data de nascimento, o serviço indicará se o título está regular ou irregular.

Quem estiver em situação irregular terá de pagar uma multa no valor de R$ 3,50. Depois precisa ir ao cartório eleitoral e apresentar documento oficial com foto, comprovante de residência e título de eleitor, se ainda o possuir.

Também é possível fazer o processo pela internet, no portal do TSE, na opção quitação de multas. Ainda assim, é preciso levar a documentação ao cartório eleitoral.

Resolução do TSE estabelece o prazo para a atualização do cadastro eleitoral, bem como os procedimentos relativos ao cancelamento dos títulos eleitorais e à regularização da situação dos eleitores.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Prefeitura realiza obra de drenagem no bairro Zantão

A partir de agora os moradores da rua Walter Barteld, no bairro Zantão, em Brusque (SC), não sofrerão mais com alagamentos em residências durante os períodos de chuvas mais intensas. Isso porque, a Prefeitura de Brusque, por meio da Secretaria de Obras e Serviços Públicos, realiza uma obra de drenagem no local.  “Estamos substituindo mais de 40 tubos de um metro e vinte por galerias de dois metros de largura por dois de...
Continuar lendo...

Palestras abordam inovação nos processos industriais

A Semana da Indústria Calçadista Catarinense (Seincc), que ocorre de 17 a 19 de setembro, no Centro de Eventos de São João Batista, contará com três palestras voltadas para as inovações na busca por soluções no setor. Promovida pelo Sindicato das Indústrias de Calçados de São João Batista (Sincasjb), a feira tem como foco aproximar fabricantes dos fornecedores por meio de...
Continuar lendo...

Professores são capacitados em metodologia sobre o meio-ambiente

Foi realizada na sede administrativa da Unimed Brusque, durante a manhã e tarde de quinta-feira (09) capacitação de professores que trabalham com as terceiras séries de Ensino Fundamental nas 23 escolas municipais de Brusque. Os educadores conheceram a metodologia “Nosso Planeta, Nossa Casa”, desenvolvida pela Juniors Achievement (JA) que na cidade é realizada com o investimento da Unimed Brusque e da empresa Sancris, e conta com o apoio da...
Continuar lendo...