Brusque FC entrega documentos para construção da Arena Havan

A Prefeitura de Brusque recebeu nos últimos dias toda a documentação de cinco entidades interessadas na cessão de terreno com contrapartida social para utilização de espaço do Complexo Chico Wehmuth, no bairro Bateas.

Na tarde desta segunda-feira (29), o prefeito de Brusque, Jonas Oscar Paegle, ao lado do vice, Ari Vequi, recebeu o presidente do Brusque FC, Danilo Rezini, e o diretor, Marciano Giraldi, para dar prosseguimento ao interesse do clube para construção do projeto denominado “Arena Havan”.

Na oportunidade, foram apresentadas todas as negativas do clube, documentos relativos ao estatuto, funcionamento, eleição da diretoria, entre outros, como o plano de trabalho sobre o projeto para a construção do estádio de 15 mil lugares.

Agora, toda a documentação recebida passará pelo crivo de uma comissão específica para fazer a avaliação dos documentos apresentados. Caberá também a essa comissão avaliar se o plano de trabalho do clube condiz com o que está especificado no edital.

Caso a comissão defira o pedido do Brusque, restará ao poder público, com base no parecer, identificar a conveniência e oportunidade para abertura de termo de inexigibilidade, que ficará publicado durante cinco dias no site da Prefeitura de Brusque para dar publicidade ao ato.

Cumprindo-se essa etapa, será firmado o termo de cooperação que vai ceder esse espaço ao clube, que, em contrapartida, vai promover a iniciativa esportiva de forma gratuita no espaço à comunidade de Brusque. Entidades como a Fenajeep, CTG, Kart Club e Centro da Cultura Alemã foram outras que já entregaram toda a documentação visando a utilização do espaço e também passarão pelo mesmo processo que o Brusque FC. A perspectiva é de que todo esse ritual seja concluído já nas próximas semanas.

Para o vice-prefeito de Brusque, Ari Vequi, a entrega da documentação foi mais uma etapa importante do processo. Ele ressalta que, caso os projetos sejam todos aprovados, a cidade ganhará em áreas importantes, como o Turismo e a Economia. “Além disso, é uma estrutura que não terá gastos do poder público, já que este não tem a responsabilidade da manutenção, mas que por outro lado trará muitos benefícios à comunidade brusquense, gerando entretenimento, empregos e oportunidades”.

Ari Vequi ainda destaca que a construção de um estádio para o Brusque FC colocará a cidade na rota dos grandes eventos, fazendo de Brusque uma referência na região do Vale do Itajaí. “Existe um projeto de estádio que será feito pela empresa Havan que vai valorizar muito esse complexo. Com certeza Brusque ganhará mais visibilidade e muitos negócios em razão desse novo empreendimento, frutos de parcerias que só vão trazer benefícios ao nosso município”.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões