Mulher grávida é conduzida à DP por abandono de incapaz

A Polícia Militar foi acionada por volta das 11h46 deste domingo para atender uma ocorrência de abandono de incapaz, em uma praça pública, no bairro Santa Rita. Uma ligação para o Copom informou que no local havia uma criança, de cerca de dois anos, sozinha, vestindo apenas fralda, correndo o risco de ser atropelada.

Ao chegar ao local, a guarnição da PM constatou que a criança tem apenas um ano de idade e estava sob os cuidados de populares, distante cerca de 200 metros de sua casa. Populares informaram que o fato é recorrente com sérios riscos de ser atropelada. Testemunhas informaram que o fato é recorrente e que a mãe tem mais dois filhos menores, e não tem condições físicas, psicológicas e financeiras de cuidar das crianças.

Depois de um tempo, a mãe da criança apareceu no local e informou que isso sempre acontece, que não consegue cuidar das crianças e que está grávida. Verificou-se, ainda, que a casa em que os menores vivem é um local insalubre, pois a própria mãe deixa a casa suja, inclusive com fezes pelo chão. Diante dos fatos, restou claro o abandono de incapaz, situação esta que causou riscos à vida e à saúde da menor.

Dessa forma, as crianças ficaram sob cuidados do Conselho Tutelar, órgão que informou que tem conhecimento do fato e que já foram realizados

vários procedimentos, mas que a mãe das crianças não acata as determinações. A mulher foi conduzida para a Delegacia de Polícia, para providências necessárias.

 
Dúvidas ou Sugestões