Brusquense se coloca entre os 10 principais nadadores de travessias do estado

Com 13 anos, o brusquense Lucas Rech vai despontando como um dos grandes nomes de nadadores de travessias do estado. O atleta que representa a equipe Natação Brusque/FME se consolidou no último fim de semana como uma grande promessa da modalidade ao ficar na quarta colocação geral na última etapa do Circuito de Travessias da Federação Aquática de Santa Catarina (Fasc).

A posição o deixou em oitavo lugar no ranking geral considerando todas as etapas, são cinco no total. As disputas começaram em 2018. Compõem ainda o percurso provas na Lagoa da Conceição (Florianópolis), Imbituba, São Francisco do Sul e Porto Belo. Na prova de Itá, de 1,5 quilômetros, além da quarta colocação geral, Lucas Rech ainda foi o segundo da sua categoria, que abrange atletas até os 16 anos.

“Não esperava essa quarta colocação geral em Itá, mas é algo que me deixou muito feliz. Venho me dedicando e treinando cada vez mais para estar entre os melhores do estado. Está sendo uma experiência muito bacana e minha meta é evoluir cada vez mais”, comenta o jovem nadador.

O desempenho do garoto é motivo de orgulho para o pai, Maurício Rech. “O Lucas sempre foi um meninio muito focado e por isso vem colhendo os resultados. Como pai, tento fazer o possível para incentivá-lo, e claro, me orgulho e choro com cada conquista”, diz ele.

Nadando como gente grande

Treinador do atleta na Associação Brusquense de Amigos e Incentivadores da Natação (Abain), José Armando Vasquez Soto, o Bay, é só elogios ao nadador. “É importante ressaltar que o Lucas vem se destacando há um bom tempo nas travessias, alcançando grande destaque nesta competição. Se colocar em oitavo geral do todo o circuito é uma façanha muito grande”, diz.

O treinador ressalta todo o trabalho que vem sendo feito com a equipe voltada às travessias, que tem se tornado algo cada vez mais comum na rotina dos atletas. “Sempre tivemos bons resultados na natação, e agora também começamos a ter nas travessias em parceria com o Léo (Leonardo Ristow, professor da Academia Viva) que também consegue levar nadadores. Tem ainda a Atribrusque, que conseguiu um grande resultado com o atleta Gerônimo da Silva, quinto colocado da categoria 30 a 35 anos. Então, a natação tem se unido e alcançado grande resultados”, festeja.

Atualmente, seis atletas da Abain compõem a equipe Natação Brusque no Circuito de Travessias da Federação, muitos deles conseguindo destaque em suas categorias. “A gurizada tem se empolgado cada vez mais com esse tipo de prova. Temos o Arthur Assino, que também vem de destacando, e na primeira competição deste circuito foi terceiro colocado geral, o Henrique Pavesi sempre esteve bem posicionado, já o Luís Fernando de Oliveira Farias é um garoto muito guerreiro, que vem a cada prova buscando seu espaço. Entre as mulheres, a atleta Ana Lúcia de Carvalho também vem se destacando. É uma menina que tem um perfil muito interessante para travessia, onde consegue os melhores resultados”, finaliza.

Dúvidas ou Sugestões