Pirola solta verbo contra presidente do Sinseb, que nega acusações

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Brusque (Sinseb), Orlando Soares Filho, rebateu as colocações feitas pelo vereador Jean Pirola (PP) na sessão da Câmara Municipal de ontem, terça-feira (2). Na ocasião, o pepista disse que tem ouvido nos últimos dias comentários do sindicalista contra dos vereadores.

“Por que cito esse cidadão? Porque ouve umas conversas e chegou ao conhecimento deste vereador, através de funcionários, que ouviram desse cidadão que a Câmara não estava votando o projeto 21/2019, que concede revisão anual dos servidores públicos. Que este projeto estava na casa e a Câmara simplesmente não votou, culpando os vereadores por não ter votado ainda o projeto”, disse ele.

Segundo Pirola, as colocações feitas por Orlando se deram após ele pedir à Prefeitura informações sobre o impacto no orçamento do valor concedido de reajuste aos servidores na negociação deste ano, encerrada no mês passado.

“O problema é que ele inflama mais de três mil funcionários públicos da Prefeitura contra os vereadores. Como se os vereadores fossem culpados de o projeto de lei ter chegado no dia 26, as quatro horas da tarde, ter sido lido e ter sido entregue as comissões no dia 28. Hoje peguei o projeto e é isso aqui. Onde está o impacto orçamentário que causou isso aqui?”, questionou o vereador.

Pirola disse que quando a Prefeitura teve de ajustar contas no final do ano passado para não extrapolar a Lei de Responsabilidade Fiscal, o Sinseb não se manifestou. “Quer dizer, se é para ganhar está tudo bem, tudo uma maravilha. E se quebrar a Prefeitura, quem vai ser o responsável? Nós? Não”, frisou o pepista.

O que diz o presidente do Sinseb

Orlando Soares Filho disse que ficou surpreso com as colocações de Pirola. Isso porque tempos atrás, quando o próprio Pirola era presidente da casa, houve um acordo entre Legislativo e o Sinseb para que nenhum projeto fosse colocado em votação “no afogadilho”.

“Nós cumprimos esse acordo. Comunicamos a categoria que, provavelmente, não iria ter o reajuste nesse mês de março, porque o projeto entrou agora no dia 26. Até porque para chegar a três mil funcionários só se for algo forte nas redes sociais, ou através da imprensa e não houve nada disso”, destacou ele.

O presidente do Sinseb disse que não dúvida que Pirola tenha ouvido o que disse na tribuna, inclusive de pessoas mal intencionadas. Porém, isso nunca saiu da boca dele.

“Esse fato não aconteceu. Estamos bem tranquilos. O vereador Jean continua sendo um grande parceiro do sindicato e vai continuar sendo amigo dos servidores como sempre foi”, disse ele.

Dúvidas ou Sugestões