Projeto sobre redução do número de vereadores é adiado mais uma vez

Na sessão desta terça-feira, os vereadores de Brusque adiaram mais uma vez a votação do projeto de emenda à Lei Orgânica do Município (LOM) que reduz de 15 para 11 o número de cadeiras na casa a partir de 2021. Desta vez, o vereador Alessandro Simas (PSD) foi quem pediu vistas da análise por um mês. Só que, ao contrário da anterior, o placar em favor do adiamento foi apertado: 7 x 6.

O adiamento recebeu críticas de alguns dos vereadores. Como Jean Pirola (PP). Ele disse que a população já está insatisfeita com a casa por estar postergando a análise da proposta.

Marcos Deichmann (Patriotas) também se manifestou contra ao adiamento e antecipou que será também contra a redução no número de vereadores. “Tenho certeza do meu voto e estou muito bem embasado”, frisou ele.

Claudemir Duarte (PT) também se posicionou contrário ao adiamento e disse que já se teve bastante tempo para analisar a proposta.

Já o vereador Sebastião Lima (PSDB) votou em favor do adiamento da votação. Para ele, todas as dúvidas devem ser sanadas sobre o assunto.

Ivan Martins (PSD) também votou contra. Ele é um dos autores da proposta e frisou que o mesmo tramita desde 2017, recebeu cinco assinaturas em favor e precisa ser discutido o quanto antes.

Dúvidas ou Sugestões