Sábado (9) foi de intensificação contra a febre amarela

Uma ação integrada do Departamento de Vigilância Epidemiológica de Brusque intensificou a vacinação contra a febre amarela, neste sábado. A mobilização imunizou 1082 pacientes, somando os números da Policlínica Central e das Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Cedrinho, Limeira e Steffen. A procura foi considerada além do esperado pela organização.

Segundo a Coordenadora das Vigilâncias em Saúde, Elisabete Cecília Souza a população atendeu o chamado e procurou as unidades visando a prevenção da doença, onde 6.429 doses foram aplicadas este ano, número que ultrapassa a metade de todas as vacinas em 2018.

Vale lembrar que a campanha continua por tempo indeterminado, pois Santa Catarina tornou-se área obrigatória de imunização da febre amarela em novembro do ano passado. “Quem ainda não tomou a dose, deve procurar uma UBS com sala de vacinação e se imunizar, a qualquer dia da semana”, complementa. 

Durante todo dia, a prefeitura de Brusque também disponibilizou a vacina VTV que protege contra três doenças: sarampo, caxumba e rubéola. Quem ainda não havia tomado a dose, pode atualizar sua caderneta. Foram 235 pessoas imunizadas. 

Já os trabalhos de prevenção e testes rápidos das Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) também foram registrados. A ação promovida pelo Serviço de Atenção a Saúde (SAE), atendeu cinquenta pessoas, principalmente com idade superior à 40 anos, faixa etária recomendada pelo Ministério da Saúde como grupos prioritários das ações de prevenção e orientação.

Dúvidas ou Sugestões