Brusque perde para a Chapecoense e cai na tabela

Depois de duas vitórias consecutivas, o Brusque foi superado neste sábado (9), no estádio Augusto Bauer, pela Chapecoense. O jogo acabou em 3 a 2 para o adversário diante 2351 torcedores, maior público do  Bruscão até o momento no Catarinense.

O time entrou em campo embalado e com expectativa de chegar ao G4, mas a Chapecoense mostrou que não é a toa que está na Série A do Catarinense e dificultou a vida do Brusque, mesmo jogando com um time chamado de alternativo. 

Antes de a bola rolar, os times homenagearam as vítimas do incêndio no CT do Flamengo que culminou com a morte de dez atletas da base. Foi respeitado um minuto de silêncio diante aplausos da torcida brusquense. 

Em campo, as novidades no Brusque foram a estreia de Maranhão entre os titulares e o retorno do artilheiro Hélio Paraíba. Ele marcou dois gols na partida e se isolou de vez como artilheiro da competição, com 6 gols.

Na etapa inicial, os dois times fizeram um jogo muito  equilibrado, mas o adversário foi mais efetivo. Aos 22 minutos, o time do Oeste abriu o placar com Laurenci em chute cruzado. Mas o Brusque não demorou a empatar.

Clebinho recebeu ótimo passe de Maranhão e foi derrubado dentro da área. Penalidade convertida por Hélio Paraíba aos 25 minutos.

Quando parecia que o primeiro tempo terminaria em empate, a equipe rival anotou o segundo gol, já nos acréscimos do primeiro tempo, aos 46, 2 a 1.

ETAPA FINAL
Na etapa final o Brusque tentou pressionar em busca do empate. Logo aos 3, Jefferson Renan finalizou com perigo, mas Ivan salvou.

O time foi castigado em lance isolado aos 8 minutos, quando Laurenci invadiu a área e fez o terceiro.

Pouco depois, o técnico Marcelo Caranhato tirou Zé Mateus para a entrada de Valkenedy. Depois, Karl entrou na vaga de Clebinho. A última mudança foi Vicente no lugar de Maranhão. 

O time se lançou ao ataque e conseguiu diminuir aos 28 minutos. Ayrton cruzou na área, Neguete desviou e Hélio Paraíba mandou para as redes: 3 a 2.

Após o gol, o time fez uma blitz pra cima da Chape, chegou a criar chances de empate, mas aos poucos o adversário esfriou a partida e segurou o resultado. 

O Brusque volta a jogar agora na quarta-feira, quando recebe o Atlético-GO. A partida, que marca a estreia do time na Copa do Brasil, será realizada as 20h30 no estádio Augusto Bauer.

Dúvidas ou Sugestões

Alguém sempre é culpado no trânsito, diz instrutor

Em um acidente de trânsito não existe fatalidade e, sim, falta de atenção de algum envolvido. Alguém sempre falha. Palavras do instrutor de pilotagem Maicon Bertolini durante entrevista ao programa Rádio Revista Cidade de ontem, quinta-feira (18), da Rádio Cidade. Ele apresentou dicas de como os motociclistas devem se portar nas ruas para evitar acidentes. Orientações que fazem, parte de um curso gratuito que a Mega Motos, da qual...
Continuar lendo...

Brusque é inserida em demandas de média e alta complexidade

O vice-prefeito de Brusque, José Ari Vequi, acompanhado do administrador do Hospital Azambuja, Evandro Roza, esteve em Florianópolis durante a tarde desta segunda-feira (25), onde se reuniu com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que cumpria agenda oficial no estado. Em pauta, a assinatura da portaria que inclui o município de Brusque nas demandas de novas habilitações de média e alta complexidade do estado de Santa Catarina no ano de...
Continuar lendo...

Nova reitoria da Unifebe assume mandato hoje

A professora Rosemari Glatz e o professor Sérgio Rubens Fantini assumem a presidência da Fundação Educacional de Brusque (Febe), mantenedora do Centro Universitário de Brusque (Unifebe) e do Colégio Universitário de Brusque, nesta terça-feira (9). A sessão solene de posse da gestão 2019/2023 será realizada no Teatro da Paróquia São Luís Gonzaga, às 19h, onde acadêmicos, professores,...
Continuar lendo...