Proposta de reforma administrativa está quase pronta

O governo deve encaminhar antes do fim do primeiro semestre uma proposta de reforma administrativa à Câmara Municipal de Brusque. O desenho da estrutura está quase pronto, afirmou o secretário de Governo e Gestão da Prefeitura, Wilian Molina, em entrevista à Rádio Cidade na quinta-feira (24).

“Já tivemos uma primeira apresentação no gabinete da proposta inicial dessa reforma, onde se faz a reestruturação de todas as secretarias, todas as diretorias. Inclusive, apresentando um macro desenho das funções de cada um dos cargos que estão colocados, hoje, dentro desse organograma”, frisou ele.

A proposta prevê, segundo Molina, que haverá um número máximo de secretarias entre nove e 11. Atualmente, oficialmente, entre secretarias e pastas com status de secretaria, além de autarquias, são 19. Considerando que os setores de esporte e cultura foram incorporados à Educação, esse número cai para 17.

As mudanças preveem a extinção de secretarias, como a de Turismo, que perde o status e será anexada ao setor de Desenvolvimento Econômico, bem como a de Comunicação, que passará a ser uma diretoria ligada direto ao gabinete do prefeito.

Molina afirma que a há expectativa de aumento na arrecadação do município, devido a ajustes nos repasses obrigatórios da União. Com isso, a intenção é focar a atenção em setores nãos quase estão o maior gargalo. Como a saúde, pasta que deve receber incremento de recursos.

Dúvidas ou Sugestões