"Certamente, já para o ano que vem vamos iniciar essa obra"

A expectativa é de que em 2020 o Brusque Futebol Clube esteja jogando em seu estádio próprio. A afirmação foi feita pelo presidente do clube, Danilo Rezini, em entrevista à Rádio Cidade, durante o programa Rádio Revista Cidade desta quarta-feira (12). Visita feita pelo empresário Luciano Hang, dono da Havan, maior patrocinadora do Brusque, no terreno da futura Vila Olímpica, colocou fogo no sonho.

Atualmente, a área ainda não foi repassada oficialmente ao clube, mas já está demarcada a ocupação de cada entidade que vai construir ali o espaço de seus eventos. Incluído o Brusque Futebol Clube.

“A partir do momento que tivermos essa área, com disponibilidade dela, já se pode pensar no Brusque ter um estádio”, frisou ele.

Embora o empresário não tenha dado nenhuma sinalização concreta, mas o ato de ir ido ao espaço já denota que o projeto pode sair do papel o quanto antes, afirma Danilo.

“É um embrião. Mas está bem encaminhado. Vejo que a possibilidade de construção desse estádio é muito grande”, pontua Rezini.

O presidente do Brusque falou, ainda, sobre a montagem do elenco para a temporada de 2019. A chegada do treinador Paulo Baier é o pontapé para a execução de um projeto que pretende colocar o clube na Série C do futebol brasileiro.

 

Dúvidas ou Sugestões