Homem que iria a júri popular leva tiro

O homem chamado, Tiago de Souza, réu que responde por ter assassinado a facadas no dia 02 de abril de 2014, Gilson da Conceição, vulgo “Gil”, na época com 30 anos, sofreu uma tentativa de homicídio na sexta-feira (21). De Souza foi alvejado com tiro no abdômen na cidade de Canelinha.

O réu estava com júri popular agendado para acontecer nesta semana, sexta (28) na cidade de Porto Belo. Após o ocorrido o júri precisou ser adiado. Tiago de Souza na época do crime confessou ter sido o autor das facadas desferidas contra Gilson da Conceição em um bar na cidade de Canelinha. De acordo com os autos o motivo que levou Tiago de Souza a matar “Gil” seria passional, um suposto caso da vítima com a esposa de Tiago.

Foto TopElegance

 

 

Dúvidas ou Sugestões