Carlos Renaux é punido por escalação irregular de atleta

O Tribunal de Justiça Desportiva julgou na noite desta terça-feira (11) o caso que envolvia a escalação irregular do atleta Luan na partida contra o Porto, na abertura da Série C do Catarinense. E a equipe acabou punida com a perda de três pontos pela irregularidade e a perda dos três pontos conquistados em campo.

E os auditores que julgaram o caso, que contou com o depoimento do diretor de futebol do Carlos Renaux, Juliano Batista, decidiram por unanimidade punir o clube com a perda do número máximo de pontos atribuídos a uma vitória dentro da competição.

Com o resultado, a equipe aparecerá na última colocação da chave B do Catarinense Série C, com três pontos negativos. A partir de agora, a equipe precisará vencer Jaraguá e Porto na briga direta pela segunda vaga às semifinais da competição. Serão dois confrontos contra o time de Jaraguá do Sul, um contra o Caçador e outro contra o Porto.   

Foto: Diego Sestrem / Level Comunicação

Dúvidas ou Sugestões