Pedras de crack estavam escondidas no sofá

Policiais militares do Pelotão Tático de Brusque (PPT) prenderam na madrugada desta quinta-feira (9) um homem de 19 anos por tráfico de drogas. Ele foi pego no Bairro Steffen com 43 pedras de crack. A droga estava escondida em um sofá, em uma casa abandonada.

De acordo com os PMs, ao passarem por uma rua em que há um bar e terem notado pessoas em atitude suspeita, os agentes da PM resolveram verificar. Descobriram que um dos que ali estava tinha drogas, mais precisamente crack.

Indicado o local para onde ele foi, o PPT se dirigiu até e localizou o rapaz deitado no sofá. Questionado sobre quantas pedras de crack possuía, ele relatou que havia, pelo menos, umas 50. Na busca, os policiais verificaram que elas somavam 43. O homem ainda indicou um bar nas proximidades que teria cocaína, maconha e um simulacro de arma de fogo.

O homem foi levado para a Delegacia de Polícia Civil por volta de 2h da manhã.

Dúvidas ou Sugestões

Arroz e feijão são os alimentos mais desperdiçados no Brasil

Base da alimentação do brasileiro, o arroz e o feijão representam 38% do montante de alimentos jogado fora no país. O dado faz parte da pesquisa sobre hábitos de consumo e desperdício de alimentos, do projeto Diálogos Setoriais União Europeia – Brasil, liderado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) com apoio da Fundação Getulio Vargas (FGV). A pesquisa ouviu 1.764 famílias de...
Continuar lendo...

Equipe Baja Pelznickel se destaca em competição nacional

A primeira competição oficial em que a equipe Baja Pelznickel da Unifebe participou, além de conhecimento e cooperação, trouxe resultados positivos para a Instituição. Os estudantes de Engenharia Mecânica estiveram em Pato Branco (PR) de 12 a 14 de outubro, competindo na 16ª Etapa Sul da Baja SAE e conquistaram a 13ª colocação na classificação geral. Na sexta-feira (12), os Mini Bajas passarem...
Continuar lendo...

Esperidião Amin (PP) e Jorginho Mello (PR) são eleitos senadores por SC

O deputado federal e ex-governador de Santa Catarina, Esperidião Amin (Progressistas), foi o candidato mais votado para o Senado Federal em Santa Catarina. Com 18,77% dos votos válidos, o seu número na urna foi confirmado 1.226.064 vezes pelos catarinenses.  Logo em seguida vem o também eleito Jorginho Mello (PR). O catarinense obteve 1.179.757 de votos, ou seja 18,07% de todos os válidos no estado catarinense. Logo atrás, por pouco o pesselista...
Continuar lendo...