Traficantes são presos em flagrante

Na manhã de quinta-feira (12) em São João Batista, a Polícia Civil e a Polícia Miltar em ação conjunta conseguiu prender dois traficantes na localidade do Loteamento Novo Horizonte. Conforme a PM após denúncias de que em uma determinada residência naquele local, estava sendo utilizada para o tráfico de drogas foi organizada a ação.

A PM em campana conseguiu identificar vários usuários conhecidos frequentando a “biqueira”. Após a certeza dos fatos a ação aconteceu, na residência foram encontrados, maconha, cocaína, crack e o valor de R$1.800 em dinheiro, e as anotações de contabilidade do tráfico.

Dois traficantes que se encontravam na residência foram autuados em flagrante e conduzidos a Delegacia de Polícia Civil do município.

Foto PM/Divulgação

 

 

 

Dúvidas ou Sugestões

Bruscão presenteia alemães através da comitiva que visita Karlsruhe

Desde o dia 14, uma comitiva brusquense formada por representantes da Prefeitura de Brusque, Fundema e Câmara de Vereadores está no distrito de Karlsruhe, na Alemanha, para discutir o acordo de cooperação entre as cidades para o projeto sustentável “50 parcerias para o Clima”. Em função de sua representatividade histórica no esporte brusquense, o Brusque FC presenteou a comitiva, por meio dos vereadores, Marcos Deichmann e...
Continuar lendo...

Mais de 716 mil empresas podem ser excluídas do Simples Nacional

A Receita Federal informou hoje (17) que foram notificadas 716.948 microempresas e empresas de pequeno porte que podem ser excluídas do Regime Especial Unificado de Arrecadação Tributos e Contribuições (Simples Nacional) por motivo de inadimplência. Ao todo, as dívidas somam R$ 19,5 bilhões. O programa, em vigor desde 2007, permite que empresas com receita bruta anual de até R$ 4,8 milhões possam recolher um total de oito...
Continuar lendo...

Fummpom e o Funrebom em Audiência Pública

A Câmara Municipal de Brusque realiza audiência pública na próxima quinta-feira (09) às 18h, para discutir junto à comunidade, entidades representativas de classe e da sociedade civil, os poderes Executivo, Judiciário e o Ministério Público de Santa Catarina (MP-SC), as consequências e os desdobramentos do parecer emitido pelo Centro de Apoio Operacional do Controle de Constitucionalidade do MP-SC, no qual o órgão...
Continuar lendo...