Casal furta Smartphone e é preso em Guabiruba

No início da noite de quinta-feira (05) os policiais civis da Delegacia de Guabiruba prenderam em flagrante um casal com idades de 40 e 45 anos pelo furto de um Smartphone. Os indivíduos pediram trabalho a uma moradora no bairro Imigrantes e realizaram uma faxina.

Pelo serviço prestado receberam R$50 reais.  Além disso, a vítima ainda alimentou o casal que dizia estar passando dificuldades financeiras.  Ainda assim, os envolvidos abusaram da boa vontade da moradora e furtaram o telefone celular que é avaliado em mais de R$ 1.000.

Ao procurar a Delegacia da cidade, a vítima indicou as características dos criminosos. Os policiais civis realizaram diligência e conseguiram prender o casal em flagrante.  O delegado de plantão autuou ambos por furto qualificado artigo 155, parágrafo quarto. Os dois foram encaminhados ao presídio onde permanecerão a disposição da justiça. 

Foto Polícia Civil/Divulgação

Dúvidas ou Sugestões

Pingo viaja com uma dúvida no ataque

O Brusque Futebol Clube viajou a Tubarão com praticamente todo o elenco disponível para o jogo de volta contra a equipe da casa, neste domingo (10). A única dúvida que Pingo levou junto na mala é a possibilidade de ter o atacante Lima ou não no Estádio Domingos Gonzales. Pingo salientou a dúvida, mas prefere ter equilíbrio para tomar a decisão sem pressa: “O elenco é completo e alguns jogadores até...
Continuar lendo...

Corpo de homem desaparecido é encontrado na região do Engenho no bairro Zantão

O corpo de um homem de 33 anos foi encontrado por volta das 11h deste sábado (14), em uma propriedade localizada na rua do Engenho no bairro Zantão. A vítima identificada como Francisco de Assis Ribeiro de Lima (33), conhecido como "Chicão", natural da cidade de Cândido de Abreu (PR), estava desaparecido deste quinta-feita (12). Um familiar informou a nossa reportagem que ele enfrentava problemas de saúde, além de problemas com...
Continuar lendo...

Falsa cooperativa tenta anunciar golpe na Rádio Cidade e é descoberta

O pedido de anúncio comercial de uma empresa de cooperativa de crédito situada em Minas Gerais feito à Rádio Cidade levou à descoberta de um golpe. Mais ainda, usando o nome de uma empresa verdadeira, também localizada na mesma região. A ação foi verificada e confirmada pela equipe de reportagem da emissora, que não aceitou fazer a veiculação após constatar que se tratava de ação para aplicar golpe. No spot comercial enviado à Rádio Cidade após a apresentação da proposta...
Continuar lendo...