Mulher é agredida por marido ciumento

A Polícia Militar foi acionada por volta das 22h30 de domingo (11) no bairro Steffen para uma ocorrência de violência doméstica, sendo que chegando até o local, a entrada dos policiais foi autorizada pela vítima. Naquele momento, a vítima inclusive teria informado que queria representar contra o companheiro.

Segundo a mulher de 28 anos, o companheiro de 32 anos é muito ciumento mesmo sem motivos para tal. Como ele trabalha das 13h30 às 22h, muitas vezes por ciúmes ele deixa a mulher trancada dentro de casa. E em outra crise de ciúmes, ele teria agredido a companheira com um tapa na cara.

Ela fugiu para a casa da vizinha, e foi retirada de lá à força pelo companheiro. De acordo com o relato da mulher, logo depois, quando ela amamentava sua filha, o companheiro ainda a derrubou e acertou um chute em seu rosto.

Na Delegacia, o homem de 32 anos relatou que tem ciúmes, principalmente quando a mulher bebe álcool, e ele teria ficado brabo com ela pois a bebê havia sido deixada em cima da cama, e a companheira foi para a casa da vizinha, que ele não gosta. E ao pedir para a mulher deixar sua casa e ir morar com a mãe, ele se irritou e deu um tapa na cabeça dela. Já o vermelho que havia nos olhos da mulher, o homem afirmou ser reflexo da suposta ingestão de álcool.

O delegado responsável pela DPCAMI determinou que o caso só terá prosseguimento quando a vítima decidir representar contra o companheiro, situação que mudou da chegada da Polícia Militar até o registro da ocorrência da Delegacia de Polícia.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso