Câmara de Brusque não usou R$ 2,5 milhões do que poderia

 

Em 2017, a Câmara de Vereadores de Brusque tinha direito a R$ 8.540.000,00 do orçamento municipal para manter as atividades administrativas da casa legislativa, remunerar servidores, vereadores, prestadores de serviços, dentre outros. Desse total, usou R$ R$ 5.976.760,45, ou seja, 69,9%.

Durante o ano foram dispensadas transferências que somaram R$ 1,2 milhão (R$ 1.290.000,00). Além disso, dos repasses mensais efetuados, restavam na conta da Câmara um saldo de R$ 1,1 milhão (R$ 1.106.672,89) – valor entregue pelo presidente do Legislativo, Jean Pirola (PP), ao prefeito Jonas Paegle (PSB), nesta sexta-feira, 15 de dezembro. 

Considerados também R$ 33,4 mil (R$ 33.433,34) de rendimentos em aplicações e os R$ 200 mil antecipados à Prefeitura em outubro, a fim de garantir o atendimento via Sistema Único de Saúde (SUS) no Hospital Azambuja, a quantia que a Câmara deixou de utilizar do Orçamento de 2017 é de R$ 2,5 milhões (R$ 2.596.672,89).

Do ato oficial de devolução dos recursos, participaram também os vereadores Deivis da Silva (PMDB), Gerson Luís Morelli, o Keka (PSB), e Sebastião Lima (PSDB), o vice-prefeito, Ari Vequi (PMDB), e a secretária da Fazenda, Edena Beatris Censi.

Dúvidas ou Sugestões

Alexandre de Moraes nega pedido de liberdade de Lula

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes decidiu, no início da noite desta sexta-feira (29), negar pedido de liberdade feito pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O ministro também rejeitou outro pedido para que o recurso seja julgado pela Segunda Turma da Corte, e não pelo plenário. A defesa de Lula recorreu da decisão do relator do pedido de liberdade, ministro Edson Fachin, que, na sexta-feira...
Continuar lendo...

PM prende foragido da UPA

Na tarde desta quarta-feira (27) por volta das 15h30, na rua José Dubiela, no bairro Thomas Coelho, em Brusque, os policiais do 18º Batalhão de Polícia Militar (BPM) deram cumprimento ao mandado de prisão em desfavor de um homem preso por tráfico de drogas que estava foragido da Unidade Prisional Avançada (UPA). Após o Centro de Operações (Copom) da PM receber denúncia do paradeiro do foragido, os policiais deslocaram...
Continuar lendo...

Acordo define reajuste salarial a funcionários da Votorantim

Em reunião na manhã de sexta-feira (25) na sede do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Brusque e região (Sintricomb), foi selado o Acordo Coletivo de Trabalho que reajusta os salários dos funcionários da empresa Votorantim S.A., unidade Vidal Ramos. O encontro aconteceu na sala de reuniões do Sintricomb, entre representantes da entidade sindical e da empresa. Pelo acordo, a...
Continuar lendo...