Negociação para abertura do antigo Evangélico foi de R$ 1,6 milhão

Representantes da SOS Cárdio, de Florianópolis, da Justiça do Trabalho de Brusque e da Comunidade Evangélica assinaram na manhã desta quarta-feira (6) o documento que permite a reabertura do antigo Hospital Evangélico ano que vem. A quantia de R$ 1,6 milhão foi depositada em uma conta administrada pela justiça e o valor servirá para arcar com boa parte das verbas trabalhistas de ex empregados do hospital.

O representante da SOS Cárdio, Luiz Gonzaga Coelho, que é gestor hospitalar, afirmou que a expectativa, conforme o planejamento elaborado, é de que o hospital esteja atendendo com os serviços básicos em meados de maio de 2018. Isso por conta de todo tramite e documentação necessários para permitir à reabertura. Inicialmente, a estrutura será aparelhada para atender procedimentos do setor de cardiologia e, aos poucos, abrirá para outras áreas, como pronto atendimento.

“Sem deixar de lado as necessidades do município, desde a obstetrícia, a neonatologia, pois há aqui um centro de UTI Neonatal”, frisou ele, afirmando que o planejamento de implantação é de quatro anos. Nos primeiros meses será feita a revisão de toda a estrutura tecnológica dentro da unidade.

Roberto Wilke, membro da Comunidade Evangélica, afirma que o que vai funcionar é um novo hospital. “Para a comunidade Luterana também é uma coisa boa, pois estamos conseguindo negociar com o Gonzaga para que volte a montar um novo hospital”, destaca ele.

O juiz Helio Henrique Garcia Romer, da 1ª Vara do Trabalho, foi quem intermediou todo o processo. Ele parafraseou a situação do processo para que se concretizasse a reabertura do hospital a mil acordos celebrados na esfera judicial. O valor de R$ 1,6 milhão depositado em conta da justiça vai custear em torno de 80% dos valores rescisórios trabalhistas, que são prioridade neste caso.

“Agora temos essa finalização e contei com a colaboração de todos, pois servi de pivô para essa negociação, de peito aberto de todos os envolvidos no processo. da comunidade com um todo. Nos sentimos muito gratificados de participar deste momento”, frisou ele.

O valor de R$ 1,6 milhão será depositado em parcelas, com a primeira depositada em janeiro e a última em novembro de 2018. A liberação dos créditos trabalhistas será feita conforme o valor chegar às mãos do Judiciário. O montante equivale à compra dos equipamentos que estão dentro do antigo hospital, penhorados para o pagamento das dívidas. 

Dúvidas ou Sugestões

Criminosos arrombam e furtam casa lotérica

Ontem, segunda-feira (7), por volta de 08h51min, no bairro Dom Joaquim, em Brusque, a Polícia Militar foi informada de um furto ocorrido em uma casa lotérica anexa a um supermercado. Uma viatura foi até o local e conversou com os responsáveis, os quais informaram que ao começar os preparativos para o expediente perceberam que a lotérica havia sido arrombada No interior do local, um cofre foi arrombado. Os autores ainda danificaram o sistema de...
Continuar lendo...

Homem é atropelado na Dorval Luz

Na manhã deste sábado (28) por volta das 08h46, os Bombeiros atenderam acidente de trânsito na rua Dorval Luz no bairro Santa Terezinha. Um veículo Fiat/Ducato com placas de Blumenau atropelou um homem de 66 anos de iniciais W.D.E. A vítima apresentava corte na cabeça e suspeita de traumatismo craniano, sendo conduzido para atendimento no Hospital Azambuja. O condutor do veículo de iniciais J.Q 28 anos nada sofreu.    
Continuar lendo...

Ciclista é atropelado no bairro Limeira Baixa

Na noite desta quinta-feira (01), um ciclista foi atropelado por uma motocicleta no bairro Limeira Baixa. O acidente ocorreu por volta das 19h41, na rua Alberto Muller, sendo chamado o imediatamente o Corpo de Bombeiros. O ciclista, um homem de 55 anos, apesar de orientado e consciente, apresentava contusão em coluna, além de contusão no tornozelo direito. Após atendimentos pré-hospitalares no local, a vítima foi encaminhada ao hospital de Azambuja...
Continuar lendo...