Mulher de 66 anos morre em acidente na Gentil Batisti Archer

Um acidente de trânsito com vítima fatal foi registrado por volta das 14h deste sábado (21), no KM 135 da rodovia Gentil Batisti Archer (SC-108), que liga Brusque ao município de São João Batista.

O acidente envolveu o Chevrolet/Classic, placas de Brusque e o Fiat/Palio também de Brusque. Foi um abalroamento transversal, o impacto deixou o veículo Classic com toda a parte do passageiro destruída.

O acidente causou a morte de uma mulher de 66 anos, identificada como Azenir Roslindo, que estava no Classic. O motorista do Palio identificado como Valter Motta Junior (26), nada sofreu. Já a passageira identificada como Elita Aparecida Marchi (25), sofreu escoriações e foi conduzida pelo Corpo de Bombeiros para o hospital de Azambuja. Além do Corpo de Bombeiros, PMRv e IML atenderam a essa ocorrência.

Azenir morava em Brusque, na rua Carlos Ristow, bairro Rainha.

Dúvidas ou Sugestões

Vereadores debatem a não entrega de faturas de lixo e água

Durante a sessão da Câmara de Vereadores realizada na noite de terça-feira (12) o assunto debatido foi a entrega das faturas do recolhimento de lixo e água pela empresa responsável. O vereador Haliton Teaodoro Kormann levantou a questão e disse que foi procurado por moradores com essa reclamação. Haliton salienta que ele, morador do centro também não recebe a fatura tem quatro meses. “Tem que ver algo para ser feito,...
Continuar lendo...

Brusque poderá estrear em 13 de fevereiro na Copa do Brasil

A CBF emitiu uma Informação de Modificação de Tabela, IMT, em que cogita a possibilidade de que a estreia do Brusque na Copa do Brasil poderá ser alterada para 13 de fevereiro. Na tabela oficial está a sugestão de que o primeiro confronto do Brusque contra o Atlético/GO ficará entre 06 ou 13 de fevereiro. Recentemente a CBF havia modificado o horário de estreia das 20h30 para às 17h, após a diretoria do clube...
Continuar lendo...

Homem com 50% do corpo queimado em incêndio na cela de DP será indenizado

Um homem que teve mais de 50% do corpo queimado após a cela onde estava pegar fogo, em Brusque, será indenizado pelo Estado em R$ 30 mil por danos morais e estéticos. O fato ocorreu em janeiro de 2011, quando o autor foi detido na delegacia de polícia civil em decorrência de desentendimentos com seus familiares. Horas depois, o local começou a pegar fogo, que se alastrou rapidamente pelo colchão e causou graves queimaduras no corpo do detido. O...
Continuar lendo...