Homem tem CNH recolhida após dirigir embriagado

Um homem de 32 anos foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil na madrugada desta sexta-feira (20) após trafegar em zig zag e na contramão pela Avenida Primeiro de Maio.

Ele passou por cima da ciclo faixa e em seguida, entrou na rua Tiradentes, onde foi abordado  por policiais que faziam rondas pelo local.

Ao descer do veículo foi constatado que ele apresentava sinais visíveis de embriaguez e foi convidado a fazer o teste de alcoolemia, o qual se recusou.

Quando recebeu a informação de que seria conduzido à Delegacia de Polícia Civil, o homem afirmou aos policiais que poderia pagar para não ser preso. Neste instante o policial informou que isto seria suborno, mas novamente o homem insistiu.

Em seguida ele foi convidado a entrar na viatura e começou a se exaltar e resistir, sendo necessário o uso de algemas.

Dentro da viatura ele desferiu diversos chutes e proferiu palavras de humilhação para os policiais.

Na Delegacia ele foi confiado a esperar no corredor do térreo, porém, sem que os policiais percebessem, ele subiu até o terceiro andar e se escondeu, e novamente resistiu com força física a ficar sentado no corredor.

A Carteira Nacional de Habilitação foi recolhida e entregue na Delegacia de Polícia Civil.

Dúvidas ou Sugestões